5.6 C
New York
quinta-feira, janeiro 28, 2021
Início Futebol Amador A literatura e o mundo do futebol em tempos de quarentena

A literatura e o mundo do futebol em tempos de quarentena

Estamos vivendo uma fase difícil na história da humanidade e do esporte, marcada pelo isolamento social e a paralisação dos campeonatos. E apreciar o intercambio entre esporte, especialmente o futebol, e a literatura, pode ser uma saída para lidarmos de forma mais saudável com esse momento.

O futebol é um esporte que foi oficialmente organizado na Inglaterra, apesar das experiências que o antecederam, mas tornou-se um ponto marcante da cultura brasileira. Essa identificação é tão forte que o futebol no Brasil é um catalizador de emoções e logo é natural que a literatura busque contato com esse assunto.

Mais Futebol e Coronavírus:
Psiquiatra do Esporte fala sobre os cuidados com a saúde mental dos atletas

Fisiologista aponta preocupação com retorno imediato das atividades nos clubes
Especialista faz uma análise sistêmica da crise financeira enfrentada pelos times brasileiros
O uso das redes sociais pelos times de futebol durante a pandemia do coronavírus

As relações do futebol com a literatura em nosso país, contrariando o caráter masculino em que se desenvolveu o esporte ao longo das décadas, começou com uma mulher: a poetisa Anna Amélia, que introduziu o tema na poesia em 1922.

A partir do trabalho da poetisa Anna Amélia, a intercessão entre futebol e literatura foi cada vez mais frequente. Grandes escritores fizeram parte dessa história como Gilka Machado, Antônio Olinto, Carlos Drummond de Andrade, João Cabral de Melo Neto, Homero Homem,  Edilberto Coutinho e Chico Buarque.

Mas também houve manifestações de destaque dessa temática em prosa, normalmente em textos curtos como contos e crônicas. Um dos cronistas mais marcantes quando se trata do assunto futebol é Nelson Rodrigues, mas muitos autores entram nesta lista: Sergio Porto, Marques Rebelo, João Saldanha, Mário Filho, Paulo Mendes Campos e Maneco Muller.

Para compreender um pouco mais da relação existente entre Futebol e Literatura, o Esporte Goiano entrou em contato com Leo Lyra, ex-jogador profissional de futebol, que se dedica aos livros desde 2017 e, atualmente, toca o Projeto “Literatura e Futebol”.

Acompanhe-nos por aqui e pelas nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Ildeu Iussef
Jornalista em formação (UFG). Repórter e Narrador Esportivo na Rádio Universitária UFG 870 AM. Amante do Esporte!
Anúncio

Últimas

Vila Nova x Goiânia: clássico vale classificação e permanência

Com futuros indefinidos no estadual 2020, Vila Nova e Goiânia se encontram na tarde desta quinta-feira (28). A partir das 15h30, no...

Já classificados, Goianésia e Goiás fazem “duelo particular” pelo terceiro lugar

De olho na vice-liderança do Estadual, Goianésia e Goiás entram em campo nesta quinta (28), pela décima segunda rodada do Campeonato Goiano....

Visando assegurar a classificação, CRAC enfrenta o Atlético na Serrinha

CRAC e Atlético Goianiense duelam nesta quinta-feira (28), às 15h30, no estádio da Serrinha, em partida válida pela última rodada da primeira...

Aparecidense busca classificação para as quartas contra já garantido Jaraguá

Aparecidense e Jaraguá se enfrentam nesta quinta-feira (28), às 15h30, no Antônio Accioly, com cobranças opostas. O Camaleão precisa do triunfo se...

Iporá e Anápolis travam batalha por vaga no G-8

Iporá e Anápolis decidem nesta quinta-feira (28) um dos últimos classificados para a fase de quartas de final do Campeonato Goiano de...
Anúncio