5.6 C
New York
terça-feira, maio 11, 2021
Início Futebol Amador A literatura e o mundo do futebol em tempos de quarentena

A literatura e o mundo do futebol em tempos de quarentena

Estamos vivendo uma fase difícil na história da humanidade e do esporte, marcada pelo isolamento social e a paralisação dos campeonatos. E apreciar o intercambio entre esporte, especialmente o futebol, e a literatura, pode ser uma saída para lidarmos de forma mais saudável com esse momento.

O futebol é um esporte que foi oficialmente organizado na Inglaterra, apesar das experiências que o antecederam, mas tornou-se um ponto marcante da cultura brasileira. Essa identificação é tão forte que o futebol no Brasil é um catalizador de emoções e logo é natural que a literatura busque contato com esse assunto.

Mais Futebol e Coronavírus:
Psiquiatra do Esporte fala sobre os cuidados com a saúde mental dos atletas

Fisiologista aponta preocupação com retorno imediato das atividades nos clubes
Especialista faz uma análise sistêmica da crise financeira enfrentada pelos times brasileiros
O uso das redes sociais pelos times de futebol durante a pandemia do coronavírus

As relações do futebol com a literatura em nosso país, contrariando o caráter masculino em que se desenvolveu o esporte ao longo das décadas, começou com uma mulher: a poetisa Anna Amélia, que introduziu o tema na poesia em 1922.

A partir do trabalho da poetisa Anna Amélia, a intercessão entre futebol e literatura foi cada vez mais frequente. Grandes escritores fizeram parte dessa história como Gilka Machado, Antônio Olinto, Carlos Drummond de Andrade, João Cabral de Melo Neto, Homero Homem,  Edilberto Coutinho e Chico Buarque.

Mas também houve manifestações de destaque dessa temática em prosa, normalmente em textos curtos como contos e crônicas. Um dos cronistas mais marcantes quando se trata do assunto futebol é Nelson Rodrigues, mas muitos autores entram nesta lista: Sergio Porto, Marques Rebelo, João Saldanha, Mário Filho, Paulo Mendes Campos e Maneco Muller.

Para compreender um pouco mais da relação existente entre Futebol e Literatura, o Esporte Goiano entrou em contato com Leo Lyra, ex-jogador profissional de futebol, que se dedica aos livros desde 2017 e, atualmente, toca o Projeto “Literatura e Futebol”.

Acompanhe-nos por aqui e pelas nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Ildeu Iussef
Jornalista em formação (UFG). Produtor dos Programas Esportivos da Rádio Universitária UFG 870 AM. Amante do Esporte!
Anúncio

Últimas

Jovair Arantes dispara contra Casagrande após declaração de comentarista: “ele é viciado em droga”

Na quinta-feira passada (6), em Assunção, o Atlético vacinou os 44 integrantes da comissão técnica do clube, incluindo jogadores e dirigentes. A...

Pastelaria derrota a FORGET e vence Campeonato de CS:GO realizado na Arena Nitroxx

Nos últimos dias, foi organizado um Campeonato de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) na Arena Nitroxx. A equipe que saiu vencedora foi a...

Goianésia vai iniciar treinamentos na próxima semana, mas segue com elenco indefinido

O ano vem sendo de altos e baixos para o Goianésia. Em fevereiro, a equipe foi vice-campeã do Goianão de 2020, perdendo...

Éder lamenta eliminação e fala em tirar proveito desta dor “como combustível”

A busca do tricampeonato estadual pelo Atlético-GO teve fim na noite deste domingo (09) com a eliminação na disputa de pênaltis para...

Vila Nova encaminha acerto com dois reforços para a disputa da Série B do Brasileiro

O Vila Nova segue se planejando para a disputa da Série B do Brasileirão e após encaminhar a contratação de dois jogadores...
Anúncio