Entrevista: Fisiologista aponta preocupação com retorno imediato das atividades e alerta para disparidades entre as equipes

Arte: Ildeu Iussef/EG
Anúncios

Nas últimas semanas, paralelo ao crescente número de óbitos registrados devido à pandemia do coronavírus, temos presenciado a discussão a respeito do retorno das atividades e campeonatos de futebol no Brasil. Além disso, os dirigentes dos clubes vêm
fazendo um lobby junto as autoridades sanitárias para a retomada das atividades em seus Centros de Treinamentos.

Coincidentemente, na Revista Brasileira de Medicina do Esporte, do bimestre maio/junho de 2020, foi publicado um artigo que aponta a existência de risco à saúde dos atletas de alto rendimento diante do novo coronavírus.

Mais Entrevistas Especiais:
Confira a entrevista com o Dr. Helio Fádel sobre os cuidado com a saúde mental dos atletas
Confira entrevista com Israel Teoldo sobre a crise financeira nos clubes de futebol
O uso das redes sociais pelos times de futebol durante a pandemia do coronavírus

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por isso o Esporte Goiano entrou em contato com o Fisiologista do Esporte, Hebert Soares, profissional graduado em Educação Física pela Universidade Salgado Filho, com Pós-Graduação em Futebol pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), Mestrado em Ciências do Esporte pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e que possui experiência de 15 anos como Preparador Físico no futebol nas categorias de base e profissional de equipes de Minas Gerais (2005 a 2011 / 2016 a 2018), e na Seleção Haitiana de Futebol (2012 a 2015). Confira abaixo a entrevista especial na íntegra!

Acompanhe-nos por aqui e pelas nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Comentários

comentários

PUBLICIDADE