Goiás não terá participante no adulto da Taça Brasil pelo terceiro ano seguido

Foto: Rafael Tomazeti/EG.
Anúncios

Pelo terceiro ano consecutivo, Goiás não terá representante na categoria adulto da Taça Brasil de Futsal. O Corumbaíba, atual campeão estadual, teria direito à vaga, mas declinou pela necessidade de investir recursos municipais no combate à Covid-19.

Em entrevista ao Esporte Goiano no ano passado, o prefeito disse que a intenção era, depois de três anos, jogar a competição nacional e que recursos seriam angariados para isso. A epidemia, porém, atrapalhou os planos.

– A administração local chegou ao consenso de que teriam que investir muito na prevenção da Covid-19 e não teriam condições de montar uma estrutura para a equipe viajar e participar com chances de ser campeã. Participar só por participar, eles não queriam – relatou o presidente da Federação Goiana de Futebol de Salão (FGFS), Murilo Macedo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mais do esporte em Goiás
Veja as datas da Taça Brasil em 2020
Volta Ciclística de Goiás muda data

Após a negativa do Corumbaíba, a FGFS convidou o vice-campeão Goiás. O clube esmeraldino está reformulando o elenco de futsal e também recusou a participação na Taça Brasil.

Por fim, a federação tentou repassar a vaga ao Vila Nova, que se uniu à Universo, terceira colocada em 2019. Os dirigentes abriram diálogo com o diretor Willian Mendes, mas o Tigre também não pôde aceitar. “Estão estruturando o departamento e não haveria tempo hábil para irem a uma competição dessa magnitude”, afirmou Macedo.

Em 2020, a CBFS convidou quatro equipes que vinham disputando a 1ª Divisão (segundo degrau na pirâmide nacional) para jogar a Divisão Especial, considerada a elite. Como Corumbaíba não havia participado nos dois anos anteriores, Goiás ficou de fora.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE