5.6 C
New York
quinta-feira, fevereiro 22, 2024
InícioQuadraFutsalPresidente da FGFS avalia reunião com clubes e possibilidade de retorno do...

Presidente da FGFS avalia reunião com clubes e possibilidade de retorno do futsal

Presidente da Federação Goiana de Futsal (FGFS), Murilo Macedo se reuniu, por videoconferência, com representantes dos clubes goianos. Os problemas causados pela pandemia do novo coronavírus, o atual cenário e possíveis mudanças para o retornos das atividades foram assuntos tratados.

Em entrevista ao site Esporte Goiano, o dirigente analisou os temas tratados na reunião e deu detalhes sobre as orientações da Confederação Brasileira de Futsal para as federações estaduais da modalidade.

“A reunião foi muito produtiva, com a participação de grande parte dos filiados ativos e, o que é mais importante, de todas as regiões do Estado. Isso possibilita ter uma visão ampla sobre o quadro geral da pandemia do COVID-19 e os seus reflexos no esporte, em especial ao futsal”.

- Anúncio -

Mais do futsal goiano:
-> Taça Brasil de Futsal, com goianos, tem novas datas
-> FGFS descarta cancelamento da Copa Goiás
-> Veja mais detalhes da reunião da FGFS com os clubes

Segundo o mandatário, as federações estaduais foram informados, pela CBFS, que as categorias da modalidade devem ter seus retornos escalonados nos próximos meses. As categorias adultas podem retornar em outubro, enquanto sub-20 em novembro e as competições de base somente em 2021.

“Foi uma decisão de cautela, até mesmo para sentir o impacto da flexibilização. Acredito também que em razão da maioridade que facilitará a autorização nos protocolos exigidos pelas autoridades sanitárias dos estados”, avaliou o presidente.

Por fim, Murilo comentou sobre a decisão unânime, com os representantes de cada clube, de esperar uma possível tomada de decisão por meio do Governo de Goiás, para o retorno das atividades esportivas. Para o presidente da federação, a decisão foi a mais correta a se tomar:

“Não tem como fugir dessa regra, logicamente que a entidade já está se movimentando, ouvindo seus filiados, como prova a reunião, para numa decisão conjunta, programar o retorno com a participação de todos. Como se pode observar, existe a vontade de todos em participarem mesmo com sacrifícios, já que tem também a parte financeira que está bastante comprometida. O que observamos também, foi a cautela unânime dos filiados em aguardar mais um tempo já que a curva de contaminação em Goiás está ascendente e qualquer posicionamento contrário iria na contramão das recomendações da ciência. Ressalte-se que a decisão da FGFS acompanha fielmente o posicionamento de seus filiados”.

Acompanhe-nos por aqui e pelas nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Rádio Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Profissional na área esportiva desde 2012.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P