Disciplina, respeito e comprometimento: pilares da Manssey Dojô começa a dar frutos

Anúncios

Disciplina, respeito e comprometimento estão entranhados na Manssey Dojô/Sesi/CPMGO Unidade Cézar Toledo, de Anápolis. Pilares fundamentais citados em entrevista recente ao Esporte Goiano pelo técnico da academia anapolina, Luiz Eduardo Pereira de Freitas, e dois caratecas, Ana Luíza Rodrigues Ramos, 22, e Alberto Santos Entreportes.

Leia mais sobre lutas!

O trabalho realizado com os mais jovens vem sendo intensificado por Luiz Freitas e os resultados puderam ser vistos: no mês de setembro, por exemplo, pelo Brasileiro disputado em Brasília, a Manssey conquistou 32 medalhas: Brasileiro CBKI – 6 ouros, 7 pratas e 15 bronzes; Open Internacional – 2 pratas e 2 bronzes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Feito que chamou a atenção do técnico da seleção, João Donizete de Oliveira, que convocou 11 atletas para a disputa do Mundial da Eslováquia, em 2019.

Destaque Luiz Eduardo Pereira de Freitas: Veja!
‘‘São 14 anos de trabalho desenvolvidos com amor e carinho em prol do Karatê. Alunos praticam a modalidade vindos de várias partes da cidade’’.

Destaque Ana Luíza Rodrigues Ramos!
‘‘Era muito tímida, desconcentrada, tinha problema com pontualidade e disciplina. O esporte me ajudou nesses pontos. Uma filosofia de vida ele representa’’

Alberto Santos Entreportes teve como inspiração o filme The Karate Kid: ‘‘Assistia sempre, gostava e ficava imitando’’, destacou.

Maria Geovana começou no Karatê aos 12 anos. Estudou no Sesi e agora é acadêmica de Direito na Faculdade Raízes. Assim como Ana Luíza, é apaixonada pelo Karatê e lamenta não ter começado antes no esporte.

Novembro de competições

A Manssey Dojô segue a todo vapor. No próximo dia 18 terá representatividade na Copa Jaraguá e, uma semana depois, no dia 25, papel fundamental no 47ª Jogos da Primavera, já que a competição ocorrerá no Sesi Jaiara, em Anápolis.

Veja fotos da academia anapolina:

Comentários

comentários

PUBLICIDADE