Em virtude do coronavírus, Governo de Goiás suspende o Pró-Atleta

Foto: Mantovani Fernandes/Seel
Anúncios

A Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (SEEL) informou por meio de nota, divulgada na tarde desta sexta-feira (20), que o programa Pró-Atleta foi suspenso por tempo indeterminado, devido ao pacote de medidas adotadas pelo Governo de Goiás em relação a propagação do coronavírus.

Mais da crise da saúde nos esportes
Fegotarco suspende atividades até o fim de março
Basquete Anapolino está com treinamentos suspensos
Goiânia Saints paralisa atividades devido ao coronavírus

De acordo com a nota da SEEL, a medida tem como objetivo proteger os atletas da contaminação pelo COVID-19, uma vez que os recursos destinados à bolsa são exclusivos para auxiliar o atleta em sua prática esportiva, seja em treinamento ou em competição. Como os eventos esportivos estão sendo cancelados e adiados e sem possibilidade de treinar e competir, desta forma, não é necessário o uso do auxílio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para Marco Maia, Presidente Licenciado da FGDE, a posição da SEEL é questionável, já que cerca de 600 atletas de alto rendimento ficarão sem receber o benefício.

“O programa não é somente para atender o atleta na competição, mas também para estar apto a competição. O confinamento vai atrapalhar manter o treinamento com qualidade, onde os atletas e treinadores deverão ser criativos para contornar essa situação. O recurso financeiro ajudaria muito na adaptação, bem como na manutenção de sua saúde”, declarou em nota divulgada pela FGDE.

No entanto, assim que o Governo autorizar as academias e locais de treinamentos a abrirem novamente, o programa voltará a funcionar e a lista de aprovados do ano de 2020 será divulgada.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE