5.6 C
New York
domingo, maio 22, 2022
Início Futebol Futebol Goiano Anapolina abre vantagem nas semis ao derrotar o Goiás na partida de...

Anapolina abre vantagem nas semis ao derrotar o Goiás na partida de ida

Na tarde deste domingo, dia 25, o Jonas Duarte foi palco de um dos duelos mais emocionantes do Goianão 2018. Anapolina e Goiás se enfrentaram pela partida de ida das semifinais do estadual. Quem levou a melhor foi o time da casa, a Xata, que venceu por 2 a 1. Os gols da partida foram anotados por Vitor Xavier e Marquinhos, pelo lado dos mandantes, e por Maranhão, pelo Verde.

Veja como foi a partida!

Para o jogo de volta, na próxima quarta (28), o time comandado por Vilson Taddei terá a vantagem do empate. Já o Goiás terá de buscar a vitória a todo custo no Serra Dourada, caso queira seu espaço na final do torneio. Um resultado positivo esmeraldino por um gol de diferença levará a disputa para os pênaltis. A bola está marcada para rolar às 21h45.

- Anúncio -

Primeira etapa cheia de emoção

Os 45 minutos iniciais no Jonas Duarte foram de pura emoção, com a Rubra dominando a grande maioria das ações. Logo aos 3, Marquinhos recebeu bola rolada de Vitor Xavier e soltou um foguete de primeira. O petardo foi certeiro e explodiu na trave de Marcelo Rangel, levando muito perigo. A pressão na Rubra não parou por aí, já que aos 24, Esquerdinha recebeu levantamento dentro da área, dominou sozinho e mandou por cima da meta esmeraldina, perdendo chance clara.

Em uma das ofensivas do Goiás na primeira etapa, aos 32, Maranhão fez jogada de linha de fundo e acabou sendo desarmado. Na sobra, Lucão chegou na bola antes do defensor e foi calçado dentro da área. Pênalti para o Goiás. Giovanni, camisa 10 esmeraldino, foi para a cobrança e viu Rodrigo Calaça acertar o canto e espalmar a penalidade, evitando o gol dos visitantes.

Logo na sequência, a Xata não perdoou e anotou seu tento em um contra-ataque fatal puxado por Esquerdinha. O camisa 10 da Anapolina avançou, tabelou com Preto, que fez o pivô na área, e em seguida tocou na medida para Vitor Xavier, que pegou de primeira, mascado, e acertou o canto esquerdo de Marcelo Rangel, que não conseguiu evitar o gol.

Na restante da primeira metade do jogo, o Verde buscou o empate, tendo como principal ponto os chutes de fora de Giovanni. Em um deles, o meia forçou uma boa defesa de Calaça, que jogou pra escanteio, e em outro, o camisa 10 acertou o travessão da equipe de Anápolis.

Segundo tempo na mesma medida

Na volta do intervalo, o Goiás voltou um pouco mais proativo dentro de campo, ainda na busca do gol de empate. Aos 6, Jefferson recebeu na entrada da área e bateu colocado, jogando a bola muito próxima a trave da meta adversária. Passado os primeiros 15 minutos, a Rubra voltou a congestionar o meio campo e controlar as ações da partida.

Aos 18, Vitor Xavier recebeu passe em profundidade de Esquerdinha e infiltrou na área. O camisa 20 fintou o defensor e na hora que tentou a finalização, a bola bateu no braço do jogador esmeraldino. Mais um pênalti anotado na partida. O lateral Marquinhos foi para a cobrança e não desperdiçou, fazendo o segundo da Xata, para o delírio da torcida no Jonas Duarte.

Pressionado, o Goiás encontrou o seu gol aos 28. Léo Sena conseguiu lançamento preciso para Maranhão, que arrancou e tocou, de canhota, na saída de Calaça. Embalado pelo tento anotado, o time comandado por Hélio dos Anjos continuou a se projetar no ataque, forçando boas intervenções do goleiro da Rubra, que fechou a meta até o apito final.

Ficha Técnica
Anapolina 2 x 1 Goiás – ida da semifinal do Goianão
Data: 25 de março de 2018
Horário: 16h
Local: Estádio Jonas Duarte; Anápolis, GO
Renda: R$ 156.915,00
Público pagante:
5.954
Público presente:
 6.795
Árbitro: Eduardo Tomaz
Assistentes: Fabrício Vilarinho e Edson Antônio
Cartões Amarelos: Marquinhos, Vitor Xavier e Preto (ANA); David Duarte, Madison, Léo Sena, Maranhão (GEC).
Gols: Vitor Xavier (ANA) aos 35′ 1T (1-0) e Marquinhos (ANA) aos 20′ 2T (2-0); Maranhão (GEC) aos 28′ 2T (2-1)
Anapolina: Calaça; Felipe Tavares, Rogério, Jonas e Marquinhos; Gilberto Júnior, Milton Júnior, Vitor Xavier (Guilherme) e Esquerdinha; Preto (Jacó) e Robson (Carlos Henrique).
Técnico: Vilson Taddei.
Goiás: Marcelo Rangel; Alex Silva, Eduardo Brock, David Duarte e Jefferson;  Madison (João Afonso), Léo Sena (Júnior Viçosa) e Giovanni; Carlos Eduardo (Tiago Luís), Maranhão  e Lucão.
Técnico: Hélio dos Anjos.
Samih Zakzak
Estudante de jornalismo na Universidade Federal de Goiás (UFG). Gosta de esportes pra (censurado).
Anúncio

Últimas

Aparecidense busca reabilitação na Série C e recebe o Floresta em casa

A Aparecidense encara o Floresta, neste domingo (22), às 18h, no Estádio Annibal Batista de Toledo, pela 7ª rodada do campeonato brasileiro...

Anápolis encara o Ação (MT) mirando na segunda colocação do Grupo A5

Focado em se manter no G4 e subir mais ainda, o Anápolis encara o Ação neste domingo (22), às 16h, no Estádio...

Universo perde para a Unip-SP nos pênaltis e fica com o vice no JUBs Futebol masculino

A dobradinha goiana não saiu por pouco nos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), na modalidade futebol. No masculino, a Universo perdeu nos pênaltis...

Apodi perde chance clara no fim e Goiás sai derrotado pelo Flamengo no Maracanã

O Goiás perdeu para o Flamengo pelo placar de 1 a 0, no Estádio do Maracanã, na cidade do Rio de Janeiro/RJ....

Atlético-GO vence Coritiba na estreia de Jorginho e desencanta na Série A

Finalmente chegou a primeira vitória do Atlético-GO na Série A de 2022. O nome Jorginho, claro, foi destaque da tarde-noite deste sábado...
Anúncio