5.6 C
New York
sexta-feira, julho 12, 2024
InícioQuadraVôlei3ª edição da Copa Cidade de Goiânia bate recorde de participantes

3ª edição da Copa Cidade de Goiânia bate recorde de participantes

A Copa Cidade de Goiânia de Vôlei realiza neste final de semana sua 3ª edição. O evento, que já se tornou tradicional no calendário do voleibol de base, reúne em 2019 um número recorde de participantes. 35 equipes de três das quatro unidades federativas do Centro-Oeste e também de Minas Gerais participarão dos 73 jogos sediados no Colégio Ateneu Dom Bosco.

Apesar dos bons números, a realização da competição na capital esteve ameaçada. Por falta de apoio, a organização cogitou levar o torneio para Anápolis, sob nova nomenclatura e numa nova data. No fim, porém, ficou decidida a continuidade do campeonato com a mesma identidade.

Mais do vôlei
Relembre a edição de 2018
No profissional, Anápolis fez jogão com Sada Cruzeiro

- Anúncio -

De acordo com Rogério Santos, técnico do Goiás e organizador do evento, a Copa Cidade de Goiânia caminha para, cada vez mais, ser um dos torneios de maior prestígio do voleibol de base no Brasil.

– Vejo que estamos no caminho certo. Acredito muito que em breve seremos uma grande referencia nos torneios de base do voleibol brasileiro, assim como a Taça Paraná e o Festival Internacional de Estrela, no Rio Grande do Sul. Nosso evento está sendo bem organizado. Neste ano, quase tivemos o pessoal de Imperatriz, do Maranhão, e de Rondônia. Acredito que na próxima edição teremos todo esse pessoal jogando aqui – disse ao Esporte Goiano.

Uma das dificuldades ainda é a carência de suporte financeiro. “Torneios como a Taça Paraná e o Festival de Estrela têm total apoio das suas prefeituras e estado, mas nós ainda fazemos na marra, com o apoio apenas dos amigos que fazem o voleibol goiano com o coração”, pontuou Santos, que acredita que a competição receberá aporte do governo estadual em 2020.

Confira as equipes participantes da Copa Cidade de Goiânia 2019

Mirim feminino
– Goiás EC (GO)
– Chapadão do Céu (GO)
– Riacho Fundo I (DF)
– Força Vôlei (MT)
– Bela Vista (GO)
– AGMP (GO)
– CJ Vôlei (GO)
Infantil feminino
– Goiás EC (GO)
– Riacho Fundo I (DF)
– Bela Vista (GO)
– AGMP (GO)
– Riacho Fundo II (DF)
– Futuro Campeão (DF)
– Brasília Vôlei (DF)
Infanto feminino
– Goiás EC (GO)
– Camv (MG)
– Chapadão do Céu (GO)
– Força Vôlei (MT)
– Goianésia (GO)
– AGMP (GO)
– Edan (GO)
– CPMG MOA (GO)
Infantil masculino
– Riacho Fundo I (DF)
– Goiás EC (GO)
– Goianésia (GO)
– Água Boa (MT)
– Brasília Vôlei (DF)
– CPMG MOA (GO)
– Bela Vista (GO)
Infanto masculino
– Brasília Vôlei (DF)
– Supervôlei (DF)
– Goiás EC (GO)
– APV (MT)
– CPMG MOA (GO)
– Sesi Goiânia (GO)

Veja as tabelas da competição



Rafael Tomazeti
Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás. Fã de esportes e apaixonado pelo estado de Goiás. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, TV UFG, Rádio 730/Portal 730, Jornal Diário do Estado, Diário de Goiás e Rádio BandNews.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P