Victor Ramos admite “relaxamento” no clássico e responde Alan Mineiro: “jogou onde? ganhou o que?”

Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás
Anúncios

O clássico ainda repercute pelos lados do Goiás. O revés (3×0) diante do rival foi um dos temas da entrevista do zagueiro Victor Ramos nesta segunda-feira, 27. E o atleta admitiu que o Vila Nova entrou com mais vontade no embate de sábado.

“Torcedor tem de ficar magoado mesmo, assim como nós ficamos. Sou acostumado a ganhar clássicos, por todos lugares onde passei e, infelizmente, fomos derrotados. Entramos um pouco relaxados, não entramos com a vibração, nem com tesão que devíamos entrar. Todos temos auto-crítica e sabemos que poderíamos ter dado mais. É fato que o Vila entrou com sangue no olho e mereceu ganhar o clássico”.

Ney Franco admite superioridade do rival na partida

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Com todo respeito, o Goiás é muito maior que o Vila, mas isso não ganha jogo, é dentro de campo, onde são onze contra onze, pois futebol está muito nivelado. Aprendemos muito com esse jogo e vamos tirar lições”.

Provocações

Durante o primeiro tempo do clássico, Victor Ramos acabou se desentendendo com Alan Mineiro. O zagueiro explicou a situação e aproveitou para responder as provocações do camisa 10 colorado após a partida, falando que a “torcida do Goiás só fica no sofá”, além do vídeo publicado nas redes sociais do Tigre.

“Foi um lance no primeiro tempo que o David protegeu a bola e o atacante deles queria cavar o pênalti. Eu fui dar uma pressão, falar pra ele levantar e nem vi o Alan chegando, quando ele me deu a trombada. Não sou lutador de boxe, sou jogador de futebol. Mas ele tem esse histórico de querer aparecer, de querer ser o bambambã. Não conheço o Alan Mineiro, jogou onde, jogou o que? Para mim, ele é café pequeno, não jogou em lugar nenhum no Brasil, não ganhou nada, só ver o currículo dele”.

“Tem de respeitar o Goiás, que é um clube grande. O Alan está um pouco equivocado e tem de segurar um pouco mais a onda dele. O único rei que conheço é o Roberto Carlos, não tem essa de rei do clássico. Quem é Alan Mineiro no jogo do bicho? Mereceram ganhar, mas tem de respeitar o Goiás e segurar a onda, porque eles ganharam o clássico, mas não conquistaram nada, tem de calçar a sandália da humildade e é bom lembrar que o mundo gira”.

Próximo jogo

A derrota tirou o Goiás do G-4. Com 36 pontos, o Verdão está em quinto lugar, um tento abaixo do Atlético. O próximo compromisso será no sábado, 19h, contra o Fortaleza, no estádio Olímpico. Victor Ramos aproveitou para garantir que o clube esmeraldino não será abalado pelo último revés.

“Sabemos que é complicado perder um clássico, mas sabíamos que uma hora iríamos perder, afinal vinhamos de dez vitórias e duas derrotas. Vamos pegar o líder Fortaleza, em um jogo complicadíssimo, mas é um time que joga e deixa jogar. Vamos lotar o estádio, precisamos de todos torcedores, como têm nos apoiado. Estamos no caminho certo e vamos dar nossa vida no sábado, pois precisamos dos três pontos, respeitando o adversário, que é um time grande”.

“Agora é esquecer e dizer ao torcedor que pode confiar na gente. Essa derrota não vai abalar o grupo. Iremos trabalhar mais forte, pois as derrotas mostram os erros. Nosso objetivo principal é subir para a primeira divisão no final do ano”.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE