Feliz com retorno, Jorginho destaca união atleticana em clássico

Foto: Paulo Marcos/Atlético CG
Anúncios

Após quase três meses afastado por lesão, Jorginho finalmente fez sua estreia na Série B de 2019. E o primeiro jogo do meia não poderia ter sido melhor. O atleta foi decisivo na vitória do Atlético diante do Vila, contribuindo com a assistência para o gol de Mike, que fechou o clássico em 2 a 0.

“Muito feliz com minha estreia. A comissão fez um planejamento para eu jogar 70, 65 minutos. Feliz pela assistência, por ter jogado bem e ajudado a equipe a sair com a vitória. Espero estar continuando e mostrando minha qualidade, pois me considero importante para o grupo. Todo mundo me respeita, o grupo e os funcionários. Isso é importante. Espero que nas próximas partidas, eu possa ajudar com gols também”, frisou após o clássico, em entrevista ao Esporte Goiano.

O meia também citou a dificuldade encontrada no clássico, que foi bastante truncado, principalmente na primeira etapa. Jorginho destacou a eficiência rubro-negra frente a Rafael Santos, além de ter exaltado o trabalho de Wagner Lopes no período de inter-temporada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O principal é a união. Aqui no Atlético não tem vaidade. Todo mundo joga e corre por todos. Isso, em um clássico, faz a diferença. O time foi aguerrido. O professor Wagner trabalhou muito bem, nesses 30 dias, naquilo que precisávamos melhorar. Esse é o caminho e espero que continuemos com esse intuito”, comentou.

Dando continuidade na Série B, o Dragão visita a Ponte Preta na próxima terça, dia 16. O pouco tempo de descanso e preparação terá de ser aproveitado, de acordo com Jorginho, ainda mais pela sequência difícil que o Atlético terá na competição. Depois da Macaca, o adversário será o Botafogo-SP, no Accioly.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE