5.6 C
New York
quarta-feira, fevereiro 21, 2024
InícioQuadraVôleiAdaptado ao projeto do Neurologia, Renan Levandoski acredita em classificação na Superliga...

Adaptado ao projeto do Neurologia, Renan Levandoski acredita em classificação na Superliga B

Há quase um ano no Neurologia Ativa, o central Renan Levandoski, de 2,05m de altura, acredita na classificação do time goiano para as semifinais da Superliga B de Vôlei Masculino. Apesar do time estar fora do G-4 a três rodadas do fim da 1ª fase, o jogador de 30 anos diz ao EG que é preciso esquecer o que passou e ir para frente.

Mais do vôlei
A três rodadas do fim, Goiás amplia vantagem no G-4 e Neurologia ainda sonha
Neurologia luta até o fim, mas perde para o vice-líder Joinville no tie-break

Natural de Rio Negrinho (SC), Renan Levandoski pratica vôlei desde os 14 anos de idade. Em sua experiência profissional, participou dos elencos de diversos clubes, incluindo atuações pelo Monte Cristo em 2017 e passagens pelo esporte no Líbano, na Argentina e na Espanha.

- Anúncio -

No ano passado, recebeu uma proposta de Sávio Beniz, presidente do Neurologia, e aceitou. Chegou ao clube em 1º de junho, integrando o plantel que foi campeão da Superliga C e começou a preparação para a Superliga B.

“A gente está em um momento muito importante e decisivo para nossa temporada, para o projeto também. Precisamos concentrar ao máximo nos treinos, na preparação física, nos treinos táticos e focar no objetivo que a gente quer e ir para cima”, afirma Levandoski.

Chances de classificação

Atualmente, o Neurologia ocupa a 5ª posição da Superliga B, sendo que os quatro melhores avançam para o mata-mata. Na análise de Levandoski, o time começou bem o torneio, mas sofreu uma baixa e poderia ter ganhado mais pontos. Porém, ainda há esperanças.

“A gente tem que corrigir agora. Não tem tempo para corrigir muita coisa, tem que corrigir o que dá, esquecer o que passou e ir para frente. O que a gente errou, é tentar consertar para não errar mais e colocar na cabeça que a gente consegue, que a gente pode”, conclui.

O próximo confronto do Neurologia Ativa é no sábado (4), às 18h, contra o lanterna Vôlei Futuro Araçatuba no Ginásio de Esportes Dr. Plácido Rocha.

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Luiz Felipe Mendes
Jornalista formado pela PUC Goiás. Amante de todos os esportes, especialmente futebol e futebol americano.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P