5.6 C
New York
sexta-feira, julho 12, 2024
InícioVelocidadeAutomobilismoGoiânia recebe duas etapas da Stock Car, com briga acirrada pelo título

Goiânia recebe duas etapas da Stock Car, com briga acirrada pelo título

A Stock Car realiza no próximo final de semana seu penúltimo encontro de 2020, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia. A categoria desembarca em um de seus mais tradicionais traçados sob pressão máxima: para a disputa das 10ª e 11ª etapas, neste sábado (21) e domingo (22).

 

Com 84 pontos em disputa no final de semana, o circuito goiano é a última chance de garantir que se estará na Super Final brigando pelo título de campeão da Stock Car 2020. As etapas de Goiânia serão realizadas nos dois formatos tradicionais: a 10ª etapa, no sábado, em rodada simples, e a 11ª, no domingo, em rodada dupla.

- Anúncio -

Mais da velocidade:
-> Equipe goiana é campeã da categoria Pró-Brasil, no Rally dos Sertões 2020
-> Piloto goiano morre em prova do SBK Brasil, no Autódromo de Interlagos

Em 14 corridas o campeonato teve até o momento 11 vencedores. 1ª etapa em Goiânia: Ricardo Zonta e Rubens Barrichello; 2ª e 3ª etapa em São Paulo: Nelsinho Piquet e Ricardo Zonta; 4ª etapa em Londrina: Rafael Suzuki e Ricardo Maurício; 5ª e 6ª etapa em Cascavel: Thiago Camilo, Bruno Baptista e Daniel Serra; 7ª etapa no Velocitta: Julio Campos e Diego Nunes; 8ª e 9ª etapa em Curitiba: Thiago Camilo (8ª etapa e prova 1 da 9ª etapa) e Gabriel Casagrande.
Lembrando que após a etapa desse final de semana em Goiânia, cada piloto terá que descartar seus três piores resultados antes da etapa final. É o que diz o artigo 5.27 do regulamento da CBA:
“Ao final da penúltima etapa, todos os pilotos terão descartadas piores pontuações referentes a três provas, mesmo que não necessariamente tenham participação nas mesmas. O piloto campeão será aquele que obtiver o maior número de pontos em todas as provas, após efetuar o descarte de três provas, antes do início da última etapa.”
Confira a classificação da Stock Car 2020, sem os descartes dos três piores resultados de cada piloto:
1º – Thiago Camilo – 222 pontos
2º – Ricardo Zonta – 198
3º – Rubens Barrichello – 196
4º – Ricardo Maurício – 193
5º – Cesar Ramos – 190
6º – Daniel Serra – 190
7º – Gabriel Casagrande – 175
8º – Allam Khodair – 157
9º – Nelsinho Piquet – 149
10º – Diego Nunes – 140
11º – Julio Campos – 139
12º – Rafael Suzuki – 135
13º – Guilherme Salas – 134
14º – Átila Abreu – 131
15º – Bruno Baptista – 120
16º – Cacá Bueno – 109
17º – Matías Rossi – 107
18º – Denis Navarro – 102
19º – Lucas Foresti – 79
20º – Galid Osman – 77
21º – Marcos Gomes – 60
22º – Pedro Cardoso – 56
23º – Gaetano di Mauro – 52
24º – Tuca Antoniazzi – 33
25º – Vitor Genz – 11
26º – Vitor Baptista – 8
27º – Felipe Lapenna – 0

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Ildeu Iussef
Jornalista em formação (UFG). Produtor dos Programas Esportivos da Rádio Universitária UFG 870 AM. Amante do Esporte!
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P