5.6 C
New York
quarta-feira, dezembro 1, 2021
Início Futebol Futebol Goiano Eduardo Tomaz explica decisão de adiamento de Iporá x Goiás: "Preservar a...

Eduardo Tomaz explica decisão de adiamento de Iporá x Goiás: “Preservar a integridade dos atletas”

O árbitro Eduardo Tomaz, em entrevista a FGF TV, explicou o motivo do adiamento da partida entre Iporá x Goiás, que seria realizada neste domingo (28), às 15h30, no estádio Ferreirão. Segundo o profissional o jogo foi suspenso devido as baixas condições que o gramado oferecia para preservar a integridade física dos atletas em campo.  

 

Eduardo Tomaz salientou que foi uma decisão dele, após não haver consenso entre os capitães das equipes para a realização ou não do jogo. Segundo o profissional, o Goiás se posicionou contra, tanto a realização do jogo, quanto assumir a responsabilidade de possíveis lesões, o Iporá foi a favor do jogo, mas não de assumir a integridade dos atletas. 

- Anúncio -

 

Mais do futebol goiano
Veja como foi a GEA 3×1 Anápolis 
Vila Nova vence Jaraguá no OBA
Itumbiara erra pênalti e apenas empata contra o CRAC 
Meia do Anápolis reclama de arbitragem 

– Obviamente quando se toma esse tipo de decisão, não há um consenso de entendimento por ambas as partes. Nós verificamos desde o início que as condições do gramado não era o ideal, tivemos uma metade do campo que ele não ficava tão encharcado, como ficava no setor oposto ao gol das equipes, que tinham muitas poças e o gramado estava encharcado, com a grama solta. Em virtude disso e para preservar a integridade físicas dos atletas nós achamos por bem não realizar a partida. 

A decisão final recaiu sobre o árbitro do duelo, que acabou adiando o jogo devido ao gramado assolado pela chuva, como foi destacado. Segundo Eduardo Tomaz nenhuma das equipes queria assumir a responsabilidade sobre a segurança física dos atletas. No entanto o time da casa queria a realização do confronto.

– Eu chamei os dois capitães para que nós entrássemos num consenso e assumíssemos a responsabilidade na questão da integridade. Porém o Iporá não quis assumir por parte do Elias, mesmo querendo ter jogo. O Goiás não queria ter o jogo e nem assumir a integridade física dos atletas. Então a responsabilidade ficou sendo minha, não havendo o consenso, de nós não realizarmos a partida em virtude desta situação. 

A tendência agora é que partida seja realizada na próxima quarta-feira (10), no Ferreirão, às 15h30. No mesmo dia irá ocorrer Atlético x Jataiense, no Accioly e Goianésia x Aparecidense, no Valdeir Oliveira. Ambas as partidas foram adiadas devido a final do Goianão 2020 ocorrida no sábado (27).

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Atualmente é Repórter do site Esporte Goiano.
Anúncio

Últimas

Goiás não chega a um acordo com Manga e atacante irá deixar o clube

O Goiás não chegou a um acordo com o empresário do jogador Alef Manga, Marlei Feliciano, e com isso o jogador não...

Torneio FGF: Sub-13 e Sub-15 já estão nas fases finais

O Torneio FGF está perto de conhecer os seus campeões da atual temporada. O Sub-13 teve a partida de ida da final...

Diretor do Dragão busca regionalização de torcida e imagina reformulação dos estaduais

Em entrevista ao Esporte Goiano durante o Conselho Técnico do Campeonato Goiano de 2022, o diretor administrativo do Atlético-GO, Marcos Egídio, tocou...

Com transmissões do EG, finalistas do Campeonato Goiano masculino de futsal serão conhecidos nesta quarta (1)

Na noite desta quarta (1), a grande decisão do Campeonato Goiano adulto masculino de futsal será definida. A partir das 20h30, os...

Com vagas limitadas, Desafio dos Brutus chega à Senador Canedo neste mês de dezembro

No dia 12 de dezembro, a partir das 9h, a cidade de Senador Canedo recebe o Desafio dos Brutus, uma corrida de...
Anúncio