Goiás perde para o Internacional com polêmica e show de Camilo e Pottker

(Foto: Pedro Hara/Doutores da Bola)
Anúncios

Na tarde deste sábado (18), o time do Goiás foi derrotado em pleno Serra Dourada pelo Internacional em partida válida pela 37ª rodada do Brasileirão Série B. No duelo entre esmeraldinos e colorados que a capital não está habituada, os colorados levaram a melhor por um placar de 2 a 0. Os gols da partida foram marcados por William Pottker.

Clique e veja como foi o tempo real!

A partida foi bem agitada mesmo com as duas equipes já tendo conquistado seus principais objetivos no campeonato. O primeiro tempo foi de leve vantagem para os donos da casa, com Nathan e Carlos Eduardo dando trabalho para a zaga sulista. Na segunda etapa o Goiás voltou na mesma toada e até fez um gol, que foi anulado. Esse lance afetou os jogadores esmeraldinos, que viram o Inter crescer na partida, principalmente após a entrada de Camilo, e fazer os gols do confronto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Primeiro tempo agitado, mas sem gols

Os 45 minutos iniciais foram agitados, com as duas equipes conseguindo chegar bem no ataque, mas pecando na finalização ou no último passe. Logo nos primeiros minutos, Nathan gingou para cima da marcação de Cuesta e bateu de esquerda para fora, sem perigo para Danilo Fernandes. O atacante alviverde conseguiu outra boa jogada, mas ninguém completou cruzamento rasteiro.

O Inter tentava buscar mais jogadas trocando passes no campo de ataque, mas sem o mesmo perigo que o time esmeraldino. D’Alessandro e Damião eram os dois principais expoentes do ataque colorado no primeiro tempo, forçando passes e cruzamentos para os seus companheiros.

Os camisas 10 aparecem

O Goiás conseguiu mais uma boa jogada já na reta final do primeiro tempo, dessa vez com Léo Sena pela direita do ataque. O camisa 10 esmeraldino gingou e fintou Eduardo Sasha e cruzou da intermediária para o meio da área. Gustavo até se adiantou à marcação e conseguiu o desvio na bola, mas ela não pegou a direção certa e saiu pela esquerda do gol, levando perigo.

D’Alessandro começou a aparecer para o jogo. O meia recebeu um bom passe de Damião, após o atacante roubar a bola no campo de defesa, e bateu firme para o gol. Marcelo Rangel, que estava bem posicionado, conseguiu espalmar a bola e evitar o primeiro gol da partida. Aos 44, o Internacional até conseguiu inaugurar o marcador, mas de forma irregular. D’Ale cobrou escanteio pela direita e a bola achou Thales, que finalizou para o fundo das redes. Antes que os jogadores colorados pudessem comemorar, o árbitro parou o lance, sinalizando falta de Cuesta dentro da área.

Segundo tempo com polêmica e gols

Os donos da casa voltaram para a segunda etapa com o nível bem acelerado, buscando boas jogadas no campo ofensivo. A melhor delas, aos 4 minutos, resultou em gol para o esmeraldino. Victor Bolt conseguiu um pelo passe enfiado para Carlinhos, o lateral já dentro da área, apenas tocou para Gustavo concluir para o gol. Os jogadores saíram para a comemoração e o bandeira até indicou uma corrida para o meio do campo, validando o tento. Porém, o árbitro Heber Roberto Lopes indicou alguma infração no lance, invalidando o gol esmeraldino.

A jogada desestabilizou a equipe do Goiás, que viu o Internacional começar a gostar do jogo, mas ainda sem a objetividade necessária para marcar o primeiro gol. Eis que Odair Hellmann trocou Eduardo Sasha por Camilo, em sua primeira alteração. A substituição do técnico interino funcionou. D’Alessandro encontrou Camilo dentro da área em um bom lançamento, e o meia, em seu primeiro toque na bola, escorou para a segunda trave na saída de Rangel. William Pottker teve o trabalho de completar para o fundo das redes de cabeça e inaugurar o marcador.

A entrada de Saavedra na vaga de Bolt (com Bambu voltando a atuar como volante) não surtiu efeito, e mais um gol surgiu. Camilo, mais uma vez serviu William Pottker, dessa vez com um belo lançamento que cruzou a defesa esmeraldina e encontrou o artilheiro em velocidade. O atacante só teve o trabalho de bater tirando de Marcelo Rangel para ampliar o marcador.

Apesar do time esmeraldino ter buscado mais o ataque, não conseguiu produzir. A partida seguiu mais morna até o seu término. Com o resultado, ambas as equipes se mantêm nas mesmas posições. O Internacional em segundo, com 68 pontos, e ainda com chances de título, enquanto o Goiás é o 15º com 44.

Ficha Técnica
Goiás 0 x 2 Internacional – 37ª rodada da Série B
Data: 18 de novembro de 2017
Horário: 17h
Local: Estádio Serra Dourada; Goiânia, GO
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
Cartões amarelos: Victor Bolt (GOI) e Leandro Damião (INT).
Gols: William Pottker aos 13′ 2ºT (0-1) e aos 19′ 2ºT (0-2) (INT).
Goiás: Marcelo Rangel; Pedro Bambu, Fábio Sanches (David Duarte), Alex Alves, Carlinhos; Victor Bolt (Saavedra), Elyeser (Andrézinho), Léo Sena; Nathan, Carlos Eduardo e Gustavo.
Técnico: Hélio dos Anjos.
Internacional: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Thales, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson; William Pottker (Nico López), D’Alessandro e Eduardo Sasha (Camilo); Leandro Damião (Charles).
Técnico: Odair Hellmann.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE