CBF anuncia medidas de apoio financeiro e equipes goianas se beneficiam

Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Anúncios

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por meio de comunicado emitido na tarde desta segunda-feira (06) informou que destinará R$ 19 milhões de reais, a fundo perdido, para a base da pirâmide do futebol coordenado pela entidade em competições de nível nacional masculino e feminino, em função das dificuldades causadas pela pandemia do novo coronavírus.

Sendo assim, os clubes que disputam as séries C e D do Campeonato Brasileiro receberão um auxílio financeiro direto no valor equivalente a duas vezes a folha salarial média dos atletas de cada uma dessas divisões, segundo dados apurados no sistema de registro de contratos da CBF. A mesma medida será aplicada ao futebol feminino e destinada aos clubes que disputam as Séries A1 e A2 do Campeonato Brasileiro.

Mais do futebol goiano:
Gosta de coleção? Veja os times goianos em álbuns de figurinhas
Sem acordo com sindicato, clubes negociarão redução salarial direto com atletas

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em Goiás, quatro equipes masculinas (Vila Nova – Série C, Goiânia, Goianésia e Crac – Série D) e duas femininas (Atlético e Goiás – Série A2) serão beneficiadas pela ação realizada pela CBF com o apoio das Federações Estaduais.

De acordo com a entidade, o objetivo é colaborar para que esses clubes possam cumprir seus compromissos com os jogadores e jogadoras durante o período de paralisação do futebol. Além disso, a CBF decidiu doar para cada uma das Federações Estaduais o valor de cento e vinte mil reais.

Os recursos da CBF serão destinados da seguinte forma:

– Crac, Goiânia e Goianésia receberão um auxílio individual no valor de R$ 120.000,00 reais;

–  O Vila Nova receberá um auxílio individual no valor de R$ 200.000,00 reais;

– As equipes femininas de Atlético e Goiás receberão um auxílio individual no valor de R$ 50.000,00 reais;

– A Federação Goiana de Futebol (FGF) receberá um auxílio no valor de R$ 120.000,00 reais.

O pagamento dos valores destinados aos clubes será realizado a partir desta terça-feira (7). Essas ações se somam a outras medidas tomadas anteriormente pela CBF, como por exemplo, a isenção por tempo indeterminado aos clubes das taxas de registro e transferência de atletas.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE