5.6 C
New York
sexta-feira, junho 25, 2021
Início Futebol Atlético Atlético prorroga férias de atletas; Goiás fará home office, e Vila adia...

Atlético prorroga férias de atletas; Goiás fará home office, e Vila adia retorno

Atlético, Goiás e Vila Nova tomaram decisões diferentes sobre a prorrogação das férias, aprovada pela maioria dos clubes durante reunião da Comissão Nacional (CNC), na última terça-feira (14).

O Dragão confirmou que estenderá o período de férias do elenco até o dia 30 de abril, completando 30 dias anuais previstos na legislação. A diretoria rubro-negra está esperançosa com a possibilidade de voltar às atividades no início de maio, assim que se encerrarem as férias do plantel.

Mais do futebol goiano
Relembre como estava o Goianão até a paralisação
Paulo Baier relembra carreira e fala de amor pelo Goiás

Na melhor das hipóteses, o retorno seria no dia 1 de maio. O Atlético aguarda um protocolo que está sendo desenvolvido pela CBF que determinará as diretrizes dos treinamentos.

Home office

Por sua vez, o Goiás decidiu não prorrogar as férias dos jogadores. Com isso, o período concedido se encerra na próxima segunda-feira (20). A intenção da diretoria é que atividades sejam retomadas a partir do dia 21, mas não no modelo convencional.

Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás EC

O planejamento é fazer uma espécie de home office, com atividades físicas dos atletas supervisionadas pela comissão técnica. O clube enviará ao grupo uma cartilha atualizada para que os exercícios sejam mantidos em casa. O Verdão também espera voltar aos treinamentos no CT Edmo Pinheiro no início de maio, seguindo os protocolos das autoridades de saúde, elaborados em conjunto com a CBF.

Em relação aos 10 dias de férias que ficarão faltando, o Goiás poderá concedê-los no fim do ano ou até mesmo comprá-los, se for necessário.

Retorno em abril?

O Vila Nova comunicou na noite desta quarta-feira (15) que o retorno aos treinos, previsto inicialmente para o dia 21 de abril, foi adiado para o dia 27. Esse prazo pode ter novo adiamento, dependendo do avanço da Covid-19 no estado.

O clube colorado ainda não definiu se o período extra de quarentena será computado como férias ou licença remunerada. A decisão sobre isso se dará apenas quando o elenco retornar às atividades.

Rafael Tomazeti
Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás. Fã de esportes e apaixonado pelo estado de Goiás. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, TV UFG, Rádio 730/Portal 730 e Jornal Diário do Estado.
Anúncio

Últimas

Em situações opostas na tabela, Vila e Goiás travam embate pela Série B

Um dos maiores clássicos do Brasil ganha novo capítulo nesta sexta-feira (25). A partir das 21h30, o Vila Nova recebe o Goiás...

Preparador físico retorna ao Vila Nova para integrar comissão permanente

O preparador físico Leonardo Bassotto vai retornar ao Vila Nova. Segundo informações do repórter Paulo Massad, o profissional chega ao Tigre nesta...

Arthur Gomes se mostra satisfeito com assistência e elogia fator coletivo do Atlético

Na última quarta-feira (23), o Atlético Goianiense derrotou o Fluminense por 1 a 0 no Estádio Antônio Accioly e deu sequência à...

Gustavo Alfaro dispara contra arbitragem e reafirma confiança na Seleção do Equador

O Equador novamente largou em vantagem contra o seu adversário pela Copa América, porém na segunda etapa caiu de produção e cedeu...

Ricardo Gareca enaltece reação do elenco e dedica resultado às vítimas de terremoto no Peru

O Peru largou atrás e foi buscar o empate diante do Equador, em um duelo de quatro gols no Estádio Olímpico, em...
Anúncio