5.6 C
New York
quarta-feira, fevereiro 21, 2024
InícioFutebolVila NovaApós triunfo, Ariel Mamede ressalta competitividade do Vila

Após triunfo, Ariel Mamede ressalta competitividade do Vila

O Vila se garantiu na segunda fase da Copa do Brasil ao vencer o Galvez por 1×0. Durante a partida, o Vila não sofreu sustos. A equipe da casa manteve a posse de bola, mas sem ameaçar o gol defendido por Fabrício. Após o jogo, o treinador Ariel Mamede analisou a partida feita pelo Tigre. Segundo ele, a expulsão do zagueiro Paulo Oliveira, no início do 2º tempo, ajudou o Vila a sacramentar o triunfo.

“Primeiro tempo a gente sabia que eles iam se jogar pelo lado, são velozes. Aqui no Norte são times agressivos e a gente tentou estabilizar o jogo no primeiro tempo, não sofremos tanto, mas queríamos ter mais chances ofensivas. No segundo tempo o jogo se abriu, nós começamos melhor e depois da expulsão o jogo virou completamente outro”, analisou o treinador a vitória da equipe.

Mais do Vila
Confira como foi a a estreia do Tigre na Copa do Brasil
Veja lance a lance o duelo contra o Galvez

- Anúncio -

Oscilando na temporada, o Vila não vem passando por um bom momento no Campeonato Goiano. Para Ariel Mamede, a equipe vem sofrendo gols bestas e que a equipe evoluiu na competitividade contra o Galvez.

“Nós temos tomado muitos gols bestas e isso tem nos atrapalhado. É um momento de construção, que estamos buscando a estabilidade da nossa equipe. Aos poucos nós vamos evoluindo. O que foi diferente foi a nossa competitividade, nós fomos mais competitivos, mais atentos a todos os momentos, trabalhamos mais juntos com o grupo mais compacto em todos os momentos do jogo. Acredito que a evolução se dá principalmente por isso”, destacou o treinador a competitividade do Vila na partida contra o Galvez.

Esquema tático

Contra o Galvez, Ariel Mamede retomou o esquema com três zagueiros. Para o treinador, as chances são grandes que o esquema seja utilizado no decorrer da temporada. Porém, segundo ele, tudo vai depender do adversário.

“Nossa ideia é que seja. Nós saímos desse esquema por questões técnicas e físicas de encaixe, no começo a gente não tinha o Liel, que fazia muita falta. O Crystian vem se adaptando, hoje fez uma ótima partida, ofensivamente é um cara que tem coragem e a gente ganha um ala. Nós temos a ideia de evolução do grupo em geral. Pode ser um sistema que nós vamos manter ou não. Vamos analisar o Crac e pensar no que fazer”, falou o treinador sobre adotar o esquema com três zagueiros.

Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P