5.6 C
New York
quarta-feira, abril 24, 2024
InícioFutebolAtléticoRaphael Miranda avalia quebra de tabu com título no Sub-20: "Geração que...

Raphael Miranda avalia quebra de tabu com título no Sub-20: “Geração que apostamos muito”

O técnico do sub-20 do Atlético Goianiense, Raphael Miranda, comandou o Dragão na quebra de um tabu de 10 anos sem levantar um troféu na categoria. O time rubro-negro foi campeão invicto do Torneio FGF e, segundo o técnico, em entrevista especial ao Esporte Goiano, a conquista se deve a uma geração de “atletas com potencial”. 


Mais da
base do Dragão:
Veja como foi o título sobre a Anapolina 
Confira as fotos da conquista atleticana 
Time vence Flugoiânia no sub-17

– Quebrar um tabu desse tamanho foi muito importante. Fazia 10 anos que não conquistávamos um título na base. Tem vários outros pontos importantes como a vaga da Copa do Brasil dentro da categoria, ter esse calendário nacional ano que vem vai ajudar muito. Tem também a questão de formação de atletas dentro do clube. O Atlético hoje tem uma geração 2000-01 que desde a época do Mauro Júnior, diretor da base do ano passado, já se apostava muito nessa geração. Ano passado tivemos sete titulares de 2001, e com isos veio essa consagração com esse título agora. Além de ter feito a melhor campanha do Atlético no começo do ano na Copa São Paulo, por isso então, é uma geração dentro do clube que apostamos muito. 

- Anúncio -

Devido a pandemia do novo coronavírus, muitos torneios da base foram cancelados e outros alterados na sua fórmula de disputa. O próprio Torneio FGF Sub-20 foi um deles. Porém mesmo com um menor número de jogos, o técnico valorizou o desempenho do Dragão dentro da competição.

– Tivemos muitas dificuldades e muitos problemas inesperados, ninguém previa essa pandemia, a FGF está de parabéns por ter realizado essa competição. É importante para os atletas estarem jogando, claro que seguindo todos os protocolos de saúde, mas foi de extrema importância para a formação deles. O título foi uma conquista, independente de quantas equipes participaram ou não, foi uma competição homologada pela federação, e conseguimos nosso objetivo. 

JOGADORES PARA O PROFISSIONAL 

Foto: Heber Gomes

Muitos atletas do clube vem sendo melhores observados pelo time principal ao longo dos últimos anos, pelo Atlético. Recentemente uma das promessas da base, Luan Sales (foto) ganhou espaço no time principal e logo se destacou, sendo negociado com o Flamengo. 

O comandante atleticano destacou que ainda é cedo para aproveitar os jogadores do atual elenco campeão do torneio, mesmo já tendo alguns no elenco profissional. 

– Já temos quatro jogadores inseridos no profissional. O Gabriel Bernard, goleiro e único atleta 2000 que vai estourar a idade do elenco sub-20 campeão, o Michel, Vitor Leque e o Luan Sales, que foi negociado com o Flamengo. Eles estão no profissional, mas temos outros atletas com potencial, que logo logo teremos a oportunidade de estar vendo no elenco profissional. Mas vamos esperar a hora certa de serem lançados, até porque o clubes está numa Série A. Hoje o departamento de base e do profissional é muito integrado, então com certeza logo em breve eles terão oportunidades. 

PORJEÇÃO PARA A PRÓXIMA TEMPORADA

Foto: Heber Gomes

Raphael Miranda é otimista com a normalização das competições na temporada de 2021. Com a possibilidade da aprovação de uma vacina para o novo coronavírus, o comandante acredita que as competições que faltaram este ano possam ser executadas ano que vem.

Até o atual momento o time sabe que irá disputar a Copa do Brasil sub-20, visto que foi o campeão do torneio FGF, além do mais a Copa São Paulo, que ainda não sofreu alterações pela CBF. 

– Nós acreditamos que em 2021 as competições serão normalizadas, por sorte a vacina está por sair. Ano que vem esperamos ter o Campeonato Goiano e a Copa Goiás de forma normal, mas nada foi passada pela federação goiana ainda. Temos a vaga na Copa do Brasil e ficamos na expectativa de ter ou não a Copa São Paulo, se será adiada ou mantida. Ainda tem a possibilidade do Atlético terminar a Série A e conseguir ficar no top 20 do ranking da CBF e assim conseguirmos a vaga para o Brasileiro da categoria. É algo que estamos almejando. 

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Rádio Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Profissional na área esportiva desde 2012.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P