“Precisamos da vitória para continuar nossa caminhada em busca do acesso”, diz Geovane

Foto: Vitor Alves/Esporte Goiano
Anúncios

Sexto colocado com 51 pontos conquistados, o Vila Nova perdeu uma grande oportunidade de voltar ao G4 da Série B na última rodada. Mas não há tempo para lamentações. Nesta sexta-feira (2), às 19h15, no Estádio Serra Dourada, o Tigre recebe o Paysandu. Para o volante Geovane, será um jogo difícil, mas importante, pois o clube precisa conquistar uma vitória para continuar na caminhada rumo à elite no ano que vem.

“Esse jogo de sexta-feira (2) vai ser muito difícil, mas creio que faremos um bom jogo. Eles precisam da vitória para sair da zona da degola, mas nós também precisamos da vitória para continuarmos nossa caminhada em busca do acesso. Pelo fato de jogarem fora de casa, eles não devem ter a mesma cobrança que teriam se estivessem atuando como mandantes. Mas temos de ter paciência. Não podemos errar como erramos em Londrina”, comentou.

-> Wesley Matos reconhece erro de Rafael Santos!
-> Confira detalhes da venda de ingressos para o jogo de sexta!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para o duelo contra o Paysandu, o zagueiro Wesley Matos e o meia Alan Mineiro devem ficar à disposição do treinador Hemerson Maria. Segundo Geovane, os dois são peças fundamentais do Colorado na competição e devem ajudar bastante na partida.

“São dois grandes jogadores, que são peças fundamentais da nossa equipe. Sempre que estão em campo, estão dando seu melhor para ajudar o Vila Nova. o Wesley (Matos) com sua liderança e o Alan (Mineiro), sem comentários, é um grande jogador e que tem decidido jogos para nós. Espero que possamos fazer um grande jogo e continuar forte nesta reta final de campeonato”, disse.

Luta pelo acesso

Questionado sobre a briga pelas quatro vagas à Série A do ano que vem, Geovane pensa que a disputa se estende apenas até o Londrina, que ocupa atualmente a 7ª posição com 50 pontos (um a menos que o Tigrão). Segundo ele, o fato de ainda ter muitos confronto diretos pode acabar beneficiando o Colorado.

“Ainda tem muita coisa para acontecer, mas acredito que a briga esteja só até o Londrina. Depois, já esta mais difícil. Ainda vão ter muitos confrontos diretos. Nessa próxima rodada, já vai tem um confronto direto. Mas nós sabemos que temos de fazer o nosso dever de casa e somar pontos fora de casa. E, às vezes, por terem muitos confrontos, os times que estão acima de nós podem acabar se matando. Mas temos de voltar a vencer e essa partida de sexta-feira (2) é uma boa possibilidade para isso”, finalizou.

Vila Nova e Paysandu se enfrentam nesta sexta-feira (2), às 19h15, no Estádio Serra Dourada. A partida é válida pela 34ª rodada da Segundona.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE