Com lesão no tornozelo direito, Moacir desfalca o Atlético por cerca de 30 dias

Foto: Paulo Marcos/ACG
Anúncios

A temporada de 2020 está apenas começando, porém no Atlético o volante Moacir já está no departamento médico, em consequência de uma complicação de um trauma articular, entorse sofrida na reta final de 2019.

“No final da temporada do ano passado, do Campeonato Brasileiro, o Moacir sofreu uma contusão no tornozelo direito. Na ocasião, nós ficamos bastante preocupados com o quadro clínico do atleta. Propomos um tratamento, ele correspondeu bem, voltou a jogar e tivemos como tratar do caso dele”, declarou o médico do clube, Gleyder Sousa.

De acordo com o profissional, Moacir continuou a se tratar no período das férias, mas durante as atividades pré-temporada as dores retornaram, o que levaram ao afastamento do volante.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mais do Dragão:
Confira a tabela do Goianão 2020
Cristóvão Borges é o novo treinador do Atlético

“Com as atividades da pré-temporada, o Moacir começou a se queixar novamente das dores no tornozelo direito. Por isso, em virtude da importância do jogador, o departamento médico resolveu pedir junto à diretoria um tratamento mais conservador. E o tratamento dele passa por um período de aproximadamente 15 dias sem colocar os pés no chão, a partir da semana passada. Correndo tudo bem, ele vai começar uma transição e acredito que em 1 mês ele seja integrado ao grupo”, afirmou Gleyder Sousa.

Desta forma, Moacir desfalcará o Dragão nos jogos do 1º turno do Goianão contra Grêmio Anápolis, Goiânia, Anápolis, Jaraguá, Crac, Goiás; e no começo do 2º turno do Estadual diante do Anápolis, Jaraguá e do Goiânia.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE