Com Zonal Centro-Oeste de Karatê, Manssey Dojô busca apoio para valorização do evento

Anúncios

No último sábado, 19, a academia de Karatê Manssey Dojô, de Anápolis, realizou no Sesi Jaiara a primeira reunião da temporada para traçar metas e o plano de trabalho. Além do sensei Luiz Eduardo, esteve presente o presidente da FCKI e FEKIGO (parceira da CBKI – Confederação Brasileira de Karatê Interestilos), Marcelo Lima, alunos e representantes de outras entidades.

Entre temas discutidos, o Zonal Centro-Oeste de Karatê Interestilos que será realizado em Anápolis no mês de abril. Um encontro nos próximos dias com a secretaria de Esportes está agendada para selar apoio ao evento. Alunos da academia seguem trabalhando para abrilhantar a competição com novidades culturais. À frente, a carateca Ana Luiza Ramos, da Manssey Dojô, que é ligada a política, ela que já foi presidente jovem do partido Democratas de Anápolis.

Ana, que assumiu o papel de interlocutora da modalidade com o processo político, segue na busca de dar mais prestígio e visibilidade ao evento com possíveis presenças de autoridades. ‘‘Queremos o melhor pelo Karatê de Anápolis, colaboro com o que posso porque sou apaixonada pelo que faço. Caso não dê certo a primeira tentativa para valorizar o evento, vamos recomeçar porque é o que verdadeiramente gostamos de fazer’’, revela.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também: Retrospectiva do Karatê 2018 – Manssey Dojô eleva nível técnico da modalidade em Goiás

Uma novidade é que o sensei Luiz Eduardo, professor da Manssey Dojô, deve assumir a presidência da FEKIGO (parceira da CBKI – Confederação Brasileira de Karatê Interestilos) nesta temporada. Luiz comentou o fato: ‘‘Expectativa boa e a responsabilidade é grande, mas será bom para a cidade de Anápolis”, ressalta. Já o atual presidente, Marcelo Lima, seguirá no comando da FCKI.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE