Levantador goiano é bronze nos Jogos Pan-Americanos

Foto: Reprodução/Instagram
Anúncios

Goiás conquistou sua primeira medalha nos Jogos Pan-Americanos de Lima. O levantador goiano Eduardo Carísio, natural de Catalão, foi bronze com a seleção brasileira ao vencer na noite deste domingo (4) o Chile por 3 sets a 0 (25/12, 25/19 e 25/21).

Carísio, como é conhecido no mundo do vôlei, jogou grande parte de sua ainda curta carreira no Minas. Agora, ele está se transferindo para o Taubaté, atual campeão da Superliga masculina. No Peru, o goiano foi levantador reserva, mas teve bom tempo de quadra.

Mais de Goiás no Pan 2019
Veja como foi a participação de Renato Portela no Tiro Esportivo
Laís Nunes planeja subir ao pódio em sua primeira participação nos Jogos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com uma convocação alternativa, já que a seleção principal disputa o Pré-Olímpico para os Jogos de Tóquio, o Brasil passou sufoco em Lima. Na estreia, vitória sobre o México por 3 sets a 1 e sobre o Chile também por 3 sets a 1. No terceiro jogo, o time verde e amarelo sofreu e quase foi eliminado ainda na primeira fase. Os Estados Unidos abriram 2 sets a 0 e, se vencessem mais um set, tirariam a equipe de Carísio. Contudo, o Brasil conseguiu virar e bater o time americano.

Nas semifinais, os comandados de Marcelo Fronckowiak atuaram muito mal. Carísio foi, inclusive, utilizado como alternativa pelo treinador para conseguir furar a defesa de Cuba, mas não adiantou. Os cubanos impuseram um sonoro 3 a 0 e tiraram o time brasileiro da briga pelo ouro.

Mais goianos

Além de Eduardo Carísio, Renato Portela, no Tiro Esportivo, e Tamires Aguiar, na Canoagem Slalom, já competiram representando Goiás em Lima. Além deles, o estado tem as lutadores Kamilla Barbosa e Laís Nunes, no Wrestling, e Diogo Villarinho na Natação.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE