5.6 C
New York
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
InícioMais EsportesLutasApós anos difíceis, judô goiano espera reconstrução em 2022

Após anos difíceis, judô goiano espera reconstrução em 2022

A pandemia trouxe anos duros para os judocas goianos. Com poucas competições e várias restrições, os atletas tiveram dificuldades para treinar. As academias perderam patrocinadores e muitas não sobreviveram à crise financeira. Neste ano, no entanto, a esperança renasce.


Mais do judô
Veja os resultados da 1ª etapa do estadual

Em 2022, o calendário da Federação Goiana de Judô está completo, com oito etapas, divididas entre Anápolis, Goiânia e Jataí. Ainda há possibilidade de eventos novos serem inseridos em outros municípios. Além disso, competições nacionais também voltam com toda a força.

- Anúncio -

Diante desse cenário, o presidente da Fegoju, Josmar Amaral, espera um ano de reconstrução e está otimista.

Assista à entrevista na íntegra

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

 

Rafael Tomazeti
Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás. Fã de esportes e apaixonado pelo estado de Goiás. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, TV UFG, Rádio 730/Portal 730, Jornal Diário do Estado, Diário de Goiás e Rádio BandNews.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P