Mirando o G8, Iporá recebe o já classificado Crac

Arte: Igor Nery/Esporte Goiano
Anúncios

Vivendo seu melhor momento no Goianão, o Iporá, que não tinha vencido até a semana passada, pode voltar ao G8 nesta rodada e mostrar que está de fato na briga por uma das vagas à próxima fase. Já classificado para o mata-mata, o Crac, se vencer, pula para a terceira posição.

Leia mais notícias do futebol goiano!

Com 10 pontos ganhos, o Lobo Guará aparece na nona posição, enquanto que o Leão, com 17 pontos conquistados, é o quinto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os times

Para o jogo deste domingo, o técnico Auecione Alves contará com a volta do goleiro Lennon, expulso após se envolver em uma confusão em Goianésia, que cumpriu suspensão automática na vitória diante da Anapolina. Em contrapartida, o zagueiro Wadson está fora por conta do terceiro cartão amarelo. Luisão deve ser o substituto.

Do lado do Crac, Ney da Matta tem um desfalque certo para o confronto. O lateral-direto Iran levou o terceiro amarelo na última rodada e está fora. Em seu lugar, Evandro iniciará a partida. Quem também pode ficar de fora é o zagueiro Tiago Garça, que se recupera de uma lesão muscular. Se não tiver condições de jogo, Rafael Cardoso deve ser o titular.

Histórico

Iporá e Crac duelaram apenas três vezes na história. Sem nunca terem empatado, o time de Catalão leva a melhor, com duas vitórias, contra apenas uma do Lobo Guará. No último encontro, válido pelo primeiro turno do Goianão, o Leão venceu por 2 a 0. Relembre!

Ficha Técnica
Iporá x Crac
11ª rodada do Goianão 2019
Data: 17 de março de 2019
Horário: 15h30
Local: Estádio Ferreirão, em Iporá (GO)
Árbitro: Osimar Moreira
Assistentes: Tiago Gomes e Ygor Monteiro
Iporá: Caio Borges (Lennon); Wallace, Rodrigo Milanez, Luisão e Danillo Ribeiro; Bosco, Recife, Guilherme e Bruno Menezes; Néverton e Marcos Paulo.
Técnico: Auecione Alves
Crac: Bruno Fuso; Evandro, Nilo, Tiago Garça (Rafael Cardoso) e Michael; Kekeu, Gilberto, Uálisson Pikachu e Michel Paulista; Rafael Tanque e Alef.
Técnico: Ney da Matta

Comentários

comentários

PUBLICIDADE