Em boa fase, Paulinho crê em volta por cima do Dragão na Série A: ”Eu acredito e vou lutar”

Volante Paulinho em coletiva pelo Atlético. Foto: Paulo Marcos / Assessoria ACG
Anúncios

Um dos destaques do Atlético no Brasileiro da Série A, o volante Paulinho tem chamado a atenção por ser versátil em campo. O jogador de 28 anos que já marcou dois gols com a camisa rubro-negra (Botafogo – 16ª rodada; Fluminense – 19ª rodada), falou em entrevista coletiva no CT do Dragão sobre a importância de estar disputando a principal competição do futebol brasileiro, que serve de vitrine para os atletas, porém deixou claro que seu foco é livrar o Atlético da zona de rebaixamento.

— Para todo atleta que está numa divisão inferior, jogar uma Série A de Brasileiro é uma vitrine muito grande. Mas eu sempre acreditei, não é balela não. Conheço bastante os jogadores do elenco. Apesar do Atlético não ter a grandeza de um São Paulo, Corinthians, é um clube que tem tradição, tem história e precisa ser respeitado. Em muitos jogos não conseguimos os resultados positivos, mas eles (os adversários) sofreram para conseguir êxito. Temos uma equipe forte, e eu acredito que são coisas pontuais que vamos corrigir para que continuemos buscando as vitórias na competição — disse Paulinho.

O volante ainda foi questionado sobre parte da imprensa esportiva nacional já cravar o rebaixamento antecipado do Dragão para a 2ª Divisão. ‘‘As pessoas que falam dessa maneira não são atleticanas. Eu como profissional e atleticano, tenho meu papel que é de lutar e acreditar, até porque tem pessoas que dependem de mim. Temos que lutar. Somos os últimos do campeonato, por enquanto. Só que estamos tendo uma evolução muito boa e ainda falta bastante jogos’’, conclui.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sobre o duelo do próximo sábado, 19, diante do Flamengo, às 19h no estádio Luso-Brasileiro, 21ª rodada do Brasileirão, Paulinho pregou respeito ao adversário. ‘‘O Flamengo é uma equipe grande e vai jogar agora contra o botafogo. Vai vir com time reserva, misto, mas não podemos pensar assim. Temos que fazer um grande jogo e quem sabe voltar com os três pontos’’, finaliza.

Veja mais do Atlético!

O rubro-negro goiano é último colocado da classificação geral, 15 pontos conquistados.

Início da carreira

Paulinho começou na base do Corinthians e por lá ficou dos 7 aos 14 anos. Ainda na base, foi para o Santos, mas foi no Internacional de Porto Alegre que alcançou o profissional. E na época o comandante do clube gaúcho era Tite, hoje técnico da Seleção Brasileira. Paulinho rasgou elogios ao seu ex-treinador. ‘‘ É um cara muito inteligente, e hoje vem colhendo os frutos que ele plantou lá atrás. Na conquista da Copa Sul-Americana pelo Internacional em 2008, eu estava no elenco. Foi ele que me subiu para a equipe principal. A história do Tite é brilhante e ele vai dar muitos frutos ainda para nossa seleção’’, afirma.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE