Atlético joga mal em casa e é derrotado pelo Palmeiras

Foto: Reprodução PFC
Anúncios

Jogando no estádio Olímpico, com predominância de torcedores palmeirenses, o Atlético repetiu o que vem fazendo dentro de seus domínios, atuações fracas, e com isso conheceu mais uma derrota na competição. O time rubro-negro perdeu por 3×1 e ainda continua na lanterna com 26 pontos. Dudu, Willian e Moisés marcaram para o Palmeiras, Walter descontou para o Dragão.

Agora o Atlético se prepara para encarar o Vasco no estádio Serra Dourada, próximo dia 18, às 19h30. O Palmeiras, que subiu para a terceira colocação com 47 pontos, na próxima rodada encara a Ponte Preta, dia 19, às 20h, estádio do Pacaembu.

1º Tempo

O jogo começou bem movimentado com o Atlético tomando a iniciativa da partida. Logo de cara, aos 5 minutos, o rubro-negro goiano teve uma ótima oportunidade com Jonathan. O lateral atleticano avançou sobre a defesa palmeirense, que não conseguiu acompanhar, e na sequência chutou forte para a ótima defesa de Fernando Prass.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Veja como foi o tempo real desta partida!

Após o susto inicial, a equipe alviverde acordou na partida e equilibrou as ações. O Palmeiras chegava sempre no apoio de Egídio e na velocidade de Dudu, porém não ameaçava com qualidade e esbarrava na defesa atleticana, bem postada.

A primeira grande chance do time paulista foi bem aproveitada, tanto que o Palmeiras abriu o placar aos 20. Após rápida jogada de Keno, o atacante alviverde limpou a marcação de Gilvan, e na velocidade, rolou para atrás onde estava Willian, que pegou de primeira, sem chances a Marcos. Palmeiras 1×0.

Após o tento o time paulista continuou melhor na partida, mas diminuiu o ritmo. O Atlético por sua vez sentiu muito o gol sofrido, não conseguia trabalhar a bola com qualidade, e sempre explorava lançamentos diretos da defesa para o ataque, ficando fácil para a zaga palmeirense.

Aos 41 o Palmeiras decretou números finais na primeira etapa. Depois de outra jogada de velocidade de Keno, o time paulista marcou o segundo. O atacante driblou a marcação de Jonathan e na sequência deu um passe por elevação para Moisés, o meio alviverde pegou de primeira, forte, sem chances a Marcos; 2×0.

2º Tempo

A etapa final começou como terminou a primeira, com o Palmeiras melhor e pressionando. Logo aos 3 minutos, após um lançamento de Tchê Tchê, Willian ganhou na velocidade e rolou para Keno, que pegou com curva na bola quase vencendo o goleiro Marcos, porém foi para fora.

O Porco continuava se impondo na partida, e aos 14 minutos ampliou o placar com Dudu. Após outra jogada de velocidade do ataque palmeirense, Willian lançou para Keno que limpou a marcação de Gilvan, e cruzou para Dudu, que de cabeça marcou o terceiro; 3×0.

Após o terceiro gol o Atlético procurou sair para o jogo. Aos 18, Walter obrigou Prass a fazer uma ótima defesa, assustando os paulistas. Na sequência, aos 20, o próprio Walter teve outra boa oportunidade ao sair cara a cara com Fernando Prass, mas acabou chutando para fora.

O Dragão continuava insistindo e aos 31 minutos conseguiu um pênalti diminuindo o placar. Numa disputa de bola de Jorginho e Mayke, o meia do Dragão foi derrubado e a penalidade foi assinalada. Walter cobrou muito bem, de cavadinha, marcando o primeiro do Atlético; 3×1.

Após esse lance, o Atlético tentou criar outras oportunidades de gol, mas o Palmeiras se postou bem defensivamente, e passou a controlar o jogo fazendo o tempo passar até o final da partida, que acabou na vitória paulista por 3×1.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 1X3 PALMEIRAS

Data: 15/10/17
Local: Estádio Olímpico
Horário: 17 horas
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa)
Assistentes: Rafael Trombeta e Victor Hugo Imazu dos Santos

Gols: Walter 31′ 2º T (Pênalti – Atlético), Willian 20′ 1º T, Moisés 43′ 1º T e Dudu 14′ 2º T (Palmeiras)
Cartões amarelos: Gilvan e William Alves (Atlético), Dudu (Palmeiras)
Cartões vermelhos: William Alves (Atlético)

ATLÉTICO-GO: Marcos; Jonathan, Gilvan, William Alves e Bruno Pacheco; Ronaldo (André Castro), Paulinho, Andrigo, Jorginho (Eduardo Bauermann) e Luiz Fernando (Niltinho); Walter
Técnico: João Paulo Sanches

PALMEIRAS: Fernando Prass; Mayke, Edu Dracena, Juninho e Egídio;  Moisés (Thiago Santos), Tchê Tchê e Bruno Henrique, Willian (Borja), Dudu e Keno (Erik)
Técnico: Alberto Valentim

Comentários

comentários

PUBLICIDADE