Alan Mineiro admite momento ruim, mas confia em volta por cima: “sei da minha capacidade”

Foto: Douglas Monteiro/Vila Nova FC
Anúncios

O Vila Nova segue próximo da zona de rebaixamento. Com apenas duas vitórias em dez rodadas, o Tigrão ocupa o 16º lugar, com 11 pontos, três acima do Z-4. O decepcionante empate com o lanterna América/MG frustrou torcedores e jogadores, como Alan Mineiro.

“Infelizmente, tomamos um gol que nos prejudicou, pois o América se fechou e dificultou muito. Buscamos o empate. Não vem só desse ano, tem dois anos seguidos que temos perdido muitos pontos dentro de casa, e, infelizmente, começou dessa maneira nesse ano também. Temos de trabalhar mais. Aliás, acho que não é nem trabalhar a palavra, e sim ter mais concentração para minimizar os erros, não tomar os gols que temos tomado e fazer os gols quando tivermos as oportunidades”, desabafou após a partida, em entrevista à Rádio Sagres.

Mais do Tigrão:
Matos e Jussani querem elenco chamando a responsabilidade

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com apenas um gol anotado na Série B, Alan Mineiro tem recebido críticas pela queda de desempenho dele e do clube. Apesar de admitir a baixa produtividade, mostra confiança na volta por cima.

“Não só o Vila, mas eu também não vivo um bom momento e tenho consciência disso. Vai passar, é normal. Sei da minha capacidade, sei o que já fiz aqui e sei que essa parte ruim vai passar e logo os gols voltarão a sair, assim como as vitórias e a confiança”.

Próximo desafio

O Tigrão volta a campo na próxima terça-feira, 19h15, contra o Coritiba, no Couto Pereira. Para arrancar na tabela, o momento é dos líderes tranquilizarem os mais jovens, na avaliação do camisa 10.

“Não sei se falta confiança. No momento difícil que estamos, na parte debaixo da tabela, temos de passar mais tranquilidade aos mais jovens. temos um jogo complicado pela frente, contra o Coritiba, e iremos em busca da vitória”.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE