Na memória: Com Serra cheio, Vila Nova vira diante do Londrina e conquista a Série C 2015

(Foto: Humberto Vilani)
Anúncios

É difícil lembrar de confrontos entre o Tigre e o Londrina e não mencionar a conquista da Série C de 2015 pela equipe goiana. Após sofrer a desvantagem no confronto de ida diante do Tubarão, o Vila Nova foi empurrado por sua torcida na volta e foi capaz de conquistar a competição nacional.

Para resgatar torcida, Wesley Matos pede fim de síndrome caseira!

A vantagem mínima obtida pelos paranaenses no Estádio do Café não fizeram frente aos mais de 40 mil torcedores no Serra e a equipe colorada. Com dois do profeta Moisés, o Tigre conseguiu vencer por 4 a 1, sacramentando o 2º título da competição para o Vila Nova.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Virada relâmpago na primeira etapa

O início de partida foi perfeito para os visitantes, que ampliaram a vantagem obtida na ida logo aos quatro minutos. Bruno Batata apareceu na área para concluir cruzamento de cabeça e inaugurou o marcador no Serra Dourada. A alegria do Londrina, no entanto, não durou muito. Pouco mais de dois minutos depois foi a vez do Vila empatar com Ramires, que bateu no canto do goleiro Vitor.

Não tardou para que o Vila, com o apoio das arquibancadas, chegasse a virada. Aos 10 minutos, Robston serviu Moisés e viu o atacante chutar de canhota para o delírio da torcida colorada presente. O primeiro tempo ainda reservou, em seus últimos minutos, um outro gol dos visitantes, com Sílvio, mas o tento foi anulado pela posição irregular do jogador.

Com expulsões na reta final, Tigre decreta título

Necessitando de mais um gol para se sagrar campeão, o Vila se lançou ao ataque e foi recompensado logo aos sete minutos da última etapa. Zotti aproveitou rebote dentro da área para estufar as redes e deixar a equipe goiana mais próxima do caneco.

O Londrina ainda contou com Ruan e Patrick expulsos antes de sofrer o último tento, marcado por Moisés. O profeta também recebeu o cartão vermelho após o tento, seguido posteriormente por Bruno Batata. Ao apito final, a torcida colorada só teve a comemorar no Serra Dourada.

Ficha Técnica
Vila Nova 4 x 1 Londrina
Partida de volta da final da Série C 2015
Data: 21/11/15
Horário: 19h30
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Carlos Nogueira e Anderson Coelho (SP)Cartões amarelos: Zotte, Moisés, Edson (VIL), Luizão, Diogo Roque, Bruno Batata, Patrick, Paulinho (LON)
Cartão Vermelho: Rhuan, Patrick e Bruno Batata  (LON); Moisés (VIL)
Renda e Público: R$ 234.500,00/39.000 pagantes (40.914 presentes)
GOLS: Bruno Batata, 4’/1ºT (0-1), Ramires, 6’/1ºT (1-1), Moisés, 11’/1°T (2-1), Zotte, 7’/2ºT (3-1), Moisés, 48’/2ºT (4-1)

VILA NOVA: Edson; Marcelo (Gustavo Bastos), Vinícius, Vitor e Marinho Donizete; Francesco, Robston (Baiano), Ramirez e Zotte (Paulo Vitor); Frontini e Moisés.
Técnico: Márcio Fernandes

LONDRINA: Vitor, Rhuan, Sílvio, Luizão e Paulinho; Diogo Roque, Germano, Rafael Gava ( Magno) e Zé Rafael; Bruno Batata e Quirino (Patrick)
Técnico: Claudio Tencati

Comentários

comentários

PUBLICIDADE