5.6 C
New York
domingo, fevereiro 25, 2024
InícioFutebolAtléticoCom passagem pela base do Flamengo, Moraes lamenta tragédia no Ninho

Com passagem pela base do Flamengo, Moraes lamenta tragédia no Ninho

A sexta-feira (8) amanheceu com o país de luto. 10 pessoas morreram e três ficaram feridas após incêndio em um alojamento das categorias de base do Flamengo, no Ninho do Urubu. O mundo do futebol, principalmente, se abala com a notícia, especialmente aqueles que já vivenciaram o ambiente destruído pelas chamas.

É o caso do jovem lateral Moraes, do Atlético. Ele defendeu o time carioca enquanto estava nas categorias de base e, embora não tenha morado no alojamento incendiado, conhece as instalações. Abatido, ele demonstrou muita consternação com a tragédia no Urubu.

– É uma situação bem difícil. Nós jogadores saímos muito novos de casa e apostamos tudo para dar o melhor para a nossa família. Não cheguei a conhecer nenhum lá. Quando fui, não morei no alojamento, pois já tinha 18 anos e só podem morar garotos até 17 anos. É uma situação muito triste. Muitos sonhos ali se acabaram com esta tragédia. Só posso fazer orações para que a família e os amigos tenham força – afirmou.

- Anúncio -

Ainda assustado, Moraes lembra das vezes em que se concentrou no local da tragédia e expressa um sentimento de luto.

– É algo para o qual ninguém nunca está preparado. Não morei lá, mas já me concentrei e passei muito tempo no local que aconteceu esta tragédia. O sentimento é péssimo. Não tem explicação – descreveu.

Rafael Tomazeti
Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás. Fã de esportes e apaixonado pelo estado de Goiás. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, TV UFG, Rádio 730/Portal 730, Jornal Diário do Estado, Diário de Goiás e Rádio BandNews.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P