Espanha Sub-17 tem apenas cinco jogadores de Barcelona ou Real Madrid no plantel

Foto: FIFA.
Anúncios

Historicamente, estamos acostumados a ver a Seleção Espanhola como uma mescla entre jogadores de Barcelona e Real Madrid, os dois principais clubes da nação. A disputa entra até no aspecto político, dada a luta dos catalães por independência. Mas isso não se repete no sub-17. Dos 23 convocados para a Copa do Mundo da categoria, apenas cinco atuam em um dos gigantes espanhóis.

Mais da Copa do Mundo Sub-17
-> Talles Magno é cortado do Mundial
-> Veja como foi a classificação espanhola
-> Confira chaveamento

O técnico da Fúria, David Gordo, relaciona isso às fortes canteras – como é conhecida a base no país hibérico. Com atletas de times modestos, como Alavés, Osasuna e Las Palmas, a Espanha faz excelente campanha no Mundial Sub-17. Os espanhóis estão classificados para as quartas de final.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Bom, isso quer dizer que todos os clubes da Espanha estão trabalhando muito bem com suas categorias de base. Então isso faz com que tenhamos muitos jogadores de muitas equipes diferentes. E eu fico muito contente com isto. É bom que se trabalhe também essa diversidade. Na Espanha temos a sorte de ter várias equipes que possuem treinadores excelentes e estes têm jogadores talentosos para treinar”, opinou o técnico David Gordo sobre o fato de vários times ceder jogadores à Fúria Sub-17.

Classificação da Espanha

Na última quarta-feira (06), a Espanha venceu Senegal por 2 a 1, na Serrinha. A partida foi muito disputada e conteve diversas faltas, especialmente dos africanos. Para o treinador David, o talento espanhol falou mais alto. Valera e Navarro fizeram os tentos da vitória.

“Acho que foi importante os atletas entenderem a hora certa de atacar e defender. E os jogadores foram muito velozes e fortes. Então eu creio que os meninos mostraram seus talentos, e colocaram isto (a qualidade) a serviço da equipe. Isso é muito importantes. Atletas desta qualidade que são capazes de trabalhar como estão trabalhando. Assim as coisas ficam um pouco mais simples”, avaliou Gordo.

Agora, é a vez da Fúria virar a chave, pois terá pedreira pela frente nas quartas. A adversária da vez é a França, uma das favoritas na disputa. Les Bleus contam com o camisa 10 Aouchiche, jovem de apenas 17 anos que já estreou nos profissionais do Paris Saint-Germain. O confronto será em Goiânia, mas desta vez no Estádio Olímpico, na próxima segunda-feira. A bola rola às 16h30, antes de Brasil e Itália, às 20h.

Jogadores de Real Madrid ou Barcelona entre convocados

Álvaro Carrillo – Real Madrid – atacante
José Martínez – Barcelona – defensor
Moriba Ilaix – Barcelona – meia
Oscar Aranda – Real Madrid – atacante
Rafa Marín – Real Madrid – defensor

Comentários

comentários

PUBLICIDADE