Buscando surpreender no Goianão, Crac e Goianésia se enfrentam na estreia

Arte: Willian Rommel/EG
Anúncios

Crac e Goianésia estreiam nesta quarta-feira (22) no Goianão de 2020. No Genervino da Fonseca, às 20h30, a bola rola para o Leão do Sul que deseja disputar as primeiras colocações e o Azulão do Vale que promete vir forte novamente.

O Crac é o único time do interior a ter dois títulos goianos, conquistados em 1967 e 2004 e quer recuperar o caneco do Goianão. Já o Goianésia que foi semifinalista em 2013, 2014 e 2015 quer repetir as boas campanhas para brigar pelo título inédito do Goianão.

Mais do Goianão
Confira a tabela completa do Goianão

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Preparação

O Crac passou por uma reformulação para a disputa do Goianão e aposta na experiência do zagueiro Renato Justi, que já atuou pelo Anápolis. O treinador será Carlos Rabelo que teve a oportunidade de comandar o Leão do Sul em dois amistosos contra a equipe do Uberlândia, tendo um empate e uma vitória.

No Goianésia, o treinador Ito Roque testou sua equipe em quatro ocasiões contra as equipes do Monte Cristo, Gama, Brasiliense e Barro Alto, obtendo quatro vitórias. O elenco do Azulão do Vale conta com nomes experientes, como Elias e William Kozlowski.

Retrospecto

Em toda a história, Crac e Goianésia duelaram 29 vezes. Conforme dados do Futebol de Goyaz, são 11 vitórias do Leão e 12 do Goianésia, além de 6 empates. No último encontro, em 2018, o Crac bateu o Azulão do Vale por 1 a 0, no Valdeir José de Oliveira.

Ficha Técnica
Crac x Goianésia – 1ª rodada do Goianão
Data: 22 de janeiro de 2020
Horário: 20h30
Local: Estádio Genervino da Fonseca; Catalão, GO

Árbitro: Bruno Rezende
Assistentes: Tiego dos Santos e Danilo Bonifácio

Crac: Bruno Fuso; Evandro, Renato Silveira, William Goiano e Acácio; Elder, Paulinho e Medina; Andrezinho, Peixoto e Thiago Rômulo.
Técnico: Carlos Rabelo

Goianésia: Thiago Santos; Lucas Néwiton, Waldson, Márcio Luiz e Cleidson; Everton Luis, Iran, William Kozlowski e Elias; Rodriguinho e Édipo.
Técnico: Ito Roque

Comentários

comentários

PUBLICIDADE