5.6 C
New York
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
InícioFutebolFutebol GoianoCom facilidade, Brasil goleia Venezuela na abertura da Copa América

Com facilidade, Brasil goleia Venezuela na abertura da Copa América

A edição 2021 da Copa América começou como esperado. Sem maiores dificuldades, o Brasil venceu a esfacelada Venezuela – que sofre com surto de Covid-19 – por 3 x 0, no Mané Garrincha, em Brasília. Na segunda rodada, os brasileiros enfrentam o Peru, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, às 21h de quinta (17).


Mais da Copa América:
-> Venezuelanos tiveram 12 casos confirmados de coronavírus
-> Confira todos os convocados para a competição

Diante de um adversário bastante alterado em função dos desfalques, o Brasil dominou completamente a primeira etapa e perdeu diversas oportunidades. A Venezuela, por sua vez, mal chegou ao ataque.

- Anúncio -

Aos 22 minutos, após escanteio cobrado da esquerda, Richarlison desviou e Marquinho completou para o gol. O atacante ainda fez o segundo, antecipando o goleiro, após cruzamento de Neymar da esquerda, mas o gol foi anulado por impedimento.

Na etapa final, Éverton Ribeiro deu maior movimentação ao setor ofensivo brasileiro. O meia acionou Danilo, que foi derrubado na área e, na cobrança do pênalti, Neymar deslocou o goleiro e ampliou: 2 a 0.

Ainda houve tempo para, aos 44, Alex Sandro lançar Neymar, que fintou o goleiro Graterol e cruzou para Gabigol, que desviou com o peito e fechou a conta: 3 x 0 para os comandados de Tite.

Ficha técnica:
Brasil 3 x 0 Venezuela
1ª rodada da Copa América 2021
Data: 13 de junho de 2021 (domingo)
Horário: 18h (de Brasília)
Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Auxiliares: Carlos Barreiro e Martin Soppi (URU)
VAR: Julio Bascuñan (CHI)

Cartões amarelos: Brasil: Renan Lodi e Gabigol. Venezuela: Manzano e Mago
Gols: Marquinhos (BRA) aos 22′ 1T (1-0), Neymar (BRA) aos 19′ 2T (2-0) e Gabigol (BRA) aos 43′ 2T (3-0)

Brasil: Alisson; Danilo, Eder Militão, Marquinhos e Renan Lodi (Alex Sandro); Casemiro, Fred (Fabinho) e Lucas Paquetá (Everton Ribeiro); Gabriel Jesus (Vinicius Jr), Neymar e Richarlison (Gabigol).
Técnico: Tite

Venezuela: Graterol; La Mantia, Martínez e Mago; González (Hernández), Moreno, Manzano (Celis), Casseres (Castillo), José Martínez e Cumaná; Aristegueita (Córdova).
Técnico: José Peseiro

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P