5.6 C
New York
quinta-feira, setembro 16, 2021
Início Futebol Atlético Blog do Felipe André: Uma derrota para tirar como lição

Blog do Felipe André: Uma derrota para tirar como lição

O Atlético Goianiense faz até o momento uma grande temporada, mas vive o pior momento dentro dela. Duas derrotas consecutivas, três na Série A e uma goleada nesta última quinta-feira para o Atlético Mineiro. Mas em quem esse revés serve, diferentemente das outras derrotas?


Lições. Esse jogo contra o Atlético Mineiro está recheado de lições para o Atlético Goianiense e para Eduardo Barroca, o que não aconteceu com tanta clareza como contra o Athletico Paranaense e o Red Bull Bragantino por exemplo.

Mais análises:
-> Recuperação rápida mostra força do elenco rubro-negro
-> Vitória para empolgar?

- Anúncio -

Contra o Furacão, um jogo franco, que saiu na frente, mas no geral criou bem e poderia ter empatado. O mesmo cenário contra o Red Bull Bragantino, um duelo muito físico, com poucas chances durante os 90 minutos e que a derrota aconteceu por um erro de Igor Carius no meio-campo.

Mas e contra o Galo, o que fica de lição? O primeiro tempo foi os piores 45 minutos do Dragão na temporada, ponto. Um time apático, sem exercer a marcação pressão, dando espaços, marcação frouxa no campo de defesa e um grupo que mais observou do que tentou. Como já vimos o Atletico-GO fazer isso em outros momentos, essa correção do Barroca precisa acontecer internamente, com vídeos e muita conversa, já que o tempo de treino até o jogo de domingo é muito pequeno.

E na escalação, chegou a hora de alguma mudança? Na minha visão, já passou do momento de tirar um lateral esquerdo, no caso Igor Carius, voltar Natanael para o lugar de origem, abrir Arthur como um ponta e então sem o João Paulo, usar o Baralhas, para que o Marlon Freitas tenha mais liberdade no meio-campo.

Contra o Grêmio, Janderson e Natanael estão suspensos. O jeito é manter o Igor de lateral, mas eu testaria o André Luís como centroavante e deixaria Zé Roberto no banco. Lucão é jovem, mas se for jogado nessa situação, e não render, será queimado antes da hora. Então eu iria de Arthur aberto e Baralhas no meio-campo.

-> Pouco aproveitado, meia deixou o Dragão

Assim eu escalaria o Atlético para enfrentar o Grêmio: Fernando Miguel; Dudu, Éder, Oliveira e Igor Carius; Maranhão, Baralhas e Marlon Freitas; Arthur Gomes, Arnaldo e André Luís.

Não deve demorar muito para Werley estrear, mas a situação do Wanderson é diferente, já que tem mais de mês que não entra em campo. João Paulo faz muita falta ao Atlético Goianiense e o Janderson está em má fase, mas não tem outro ponta para substituir, ou querem ver o Pablo Dyego como titular?

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Anúncio

Últimas

Higo se mostra confiante e fala em “controle emocional”, para duelo contra o Coritiba

O técnico do Vila Nova, Higo Magalhães, destacou que o Tigrão precisa ter o "controle emocional" dentro de campo para a partida...

“Eu quero o título da Série B”, afirma presidente do Goiás; contratações foram encerradas

O presidente do Goiás, Paulo Rogério Pinheiro, afirmou que o clube irá atrás do título da Série B. Segundo o dirigente esmeraldino...

Prefeitura de Goiânia lança “Esporte nos Bairros”, projeto com mais de mil inscritos

Na manhã desta quinta-feira (16), a Prefeitura de Goiânia lançou o projeto Esporte nos Bairros, voltado para o apoio do esporte gratuito...

Em cinco modalidades, goianos embarcam para disputar Paralimpíadas Universitárias

Na última quarta-feira (15), a delegação goiana embarcou para a disputa das Paralimpíadas Universitárias de 2021. Com 17 atletas em cinco modalidades...

Com quase 100 atletas, Aparecida de Goiânia recebe torneio de skate

Neste fim de semana, a cidade de Aparecida de Goiânia receberá uma competição de skate. Entre 9h e 19h deste sábado (18),...
Anúncio