5.6 C
New York
sexta-feira, maio 24, 2024
InícioFutebolAtléticoAtlético cala a Serrinha, vence o Goiás e é campeão Goiano

Atlético cala a Serrinha, vence o Goiás e é campeão Goiano

O Atlético é campeão goiano de 2022. O Dragão passeou na Serrinha e sem sustos venceu mais uma vez o Esmeraldino na final. O Goiás mandou na primeira etapa, mas com as perdas de Nicolas e Pedro Raul, lesionados, acabou deixando o Atlético mandar em campo no segundo tempo e a vitória veio de certa forma fácil ao Dragão. Shaylon (2x), Wellington Rato. 

 

Mais do futebol goiano:
Veja como foi a partida 

- Anúncio -
Foto: Isabela Azine


O primeiro tempo foi verde. O Goiás começou com tudo e nos primeiros 25 minutos iniciais, pressionou o Atlético, fazendo com que o Dragão ficasse somente na defesa. A pressão surtiu efeito aos 32 minutos, onde o time da casa abriu o placar com Nicolas, que de cabeça após escanteio cobrado por Elvis, não deu chances ao goleiro Luan Polli. 

Com o placar favorável, o Verdão tirou o pé do acelerador e viu o Dragão esboçar uma reação. Aos 42, Dudu recebeu da direita e cruzou para a área, onde Shaylon pegou de primeira e empatou. No entanto, o VAR acabou anulando o gol, pelo fato do lateral estar em impedimento. Após esse lance o jogo foi encerrado na etapa um. 

No segundo tempo o Atlético voltou com tudo e marcou dois gols em cinco minutos. Aos dois, com um golaço de Marlon Freitas, fora da área, e aos cinco com Wellington Rato, que cara a cara com Tadeu, não deu chances ao goleiro. O Goiás morreu em campo com a virada, o Dragão cresceu e aos 20 marcou o terceiro com Shaylon, que driblou Tadeu e mandou para o fundo das redes. 

Ficha técnica:
Goiás 1×3 Atlético Goianiense 
Joga de volta da final do Goianão
Data: 02 de março de 2022
Horário: 16h30
Local: Estádio da Serrinha, em Goiânia
Árbitro: Luis Flavio de Oliveira – FIFA/SP
Assistente 1: Marcelo Carvalho Van Gasse – FIFA/SP
Assistente 2: Anderson Jose de Moraes Coelho – CBF/SP
Quarto árbitro: Rodrigo Raposo – CBF/DF
VAR: Marcio Henrique de Gois – CBF/SP
AVAR: Silbert Sisquim – CBF/RJ

Cartões amarelos: Fellipe Bastos (GOI), Léo Pereira (ACG)
Gols: Nicolas (32′ 1T) – (GOI), Marlon Freitas (1′ 2T), Wellington Rato (5′ 2T) – (ACG)
Goiás: Tadeu; Diego, Da Silva, Reynaldo e Danilo Barcelos; Auremir, Fellipe Bastos e Elvis; Apodi (Reginaldo), Pedro Raul (Albano) e Nicolas 
Técnico: Glauber Ramos.
Atlético-GO: Luan Polli; Dudu (Luan Sales), Wanderson, Édson e Arthur Henrique (Hayner); Baralhas, Marlon Freitas e Rickson; Shaylon, Léo Pereira (Airton) e Wellington Rato
Técnico: Umberto Louzer.
Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Rádio Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Profissional na área esportiva desde 2012.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P