Aparecidense perde em casa para o Itabaiana e dá adeus à Série D

Foto: Twitter/AA Aparecidense
Anúncios

A Aparecidense está eliminada da Série D do Campeonato Brasileiro. Em jogo válido pela última rodada da primeira fase da competição nacional, os comandados do técnico Edson Júnior foram derrotados pelo Itabaiana por 2 a 0. Berto e Luiz Paulo foram os autores dos tentos que classificaram os sergipanos para a fase trinta e dois avos de final do torneio.

Confira como foi o jogo!

Com o resultado, o Camaleão termina sua participação na quarta divisão na terceira posição do Grupo A9, com 9 pontos conquistados. Como não aceitou o convite para disputar a Copa Verde, a temporada do time de Aparecida de Goiânia está oficialmente encerrada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O jogo

Precisando apenas da vitória para se classificar, a Aparecidense teve a chance de abrir o placar com Alex Henrique. Aos 16 minutos, o camisa 9 do Camaleão perdeu um pênalti. No lance seguinte, o Itabaiana abriu o placar. Após cruzamento na área, o zagueiro Berto subiu mais alto que todo mundo a abriu o placar para os sergipanos.

No segundo tempo, o Camaleão se lançou com tudo ao ataque, mas não conseguia marcar. Numa grande chance, Mário Sérgio, dentro da área, chutou fraco e viu o goleiro Weide praticar a defesa. Aos 45, quando o time de Aparecida de Goiânia está todo no ataque, Luiz Paulo matou a partida num contra-ataque onde invadiu a área e bateu cruzado no canto de Wallace.

Ficha Técnica
Aparecidense 0x2 Itabaiana
6ª rodada da Série D 2019
Data: 9 de junho de 2019
Horário: 18h
Local: Estádio Anníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO)
Gols: Berto (18’/1T) e Luiz Paulo (45’/2T) – Itabaiana
Aparecidense: Wallace; Bruno Leite, Robson, Filipe Costa e Mário Sérgio; Bruno Henrique, Tiago Ulisses (Uéderson), Washington (Ayrton) e Rodriguinho; Alex Henrique (Flávio) e Aleílson.
Técnico: Edson Júnior
Itabaiana: Weide; Rone, Berto, Hugo e David; Daniel, Jacobina (Ronald) e Igor (Gaúcho); Aurélio, Luiz Paulo e Ila (Branco).
Técnico: José Ferreira dos Santos

Comentários

comentários

PUBLICIDADE