5.6 C
New York
sexta-feira, julho 12, 2024
InícioFutebolVila NovaMaguinho vê falta de eficiência do Vila, mas afirma: "A bola vai...

Maguinho vê falta de eficiência do Vila, mas afirma: “A bola vai entrar”

Depois de 11 rodadas disputadas de Brasileirão Série B, a vida do Vila Nova na competição não segue fácil. São sete rodadas sem vitória da equipe goiana, além de ter anotado apenas um gol nesse período. Para Maguinho, lateral-direito do time, está faltando eficiência do grupo para concluir a jogada.

Juninho nega desconfiança no Vila!

“Costumamos falar que não acreditamos em sorte, já que trabalhamos muito para que as coisas aconteçam. Mas, infelizmente, elas não estão acontecendo. Estamos construindo as jogadas e não estamos sendo eficientes para marcar. É difícil pedirmos tranquilidade à torcida nesse momento, mas temos de continuar trabalhando, pois é assim que vamos sair dessa situação. Uma hora essa bola vai entrar”, afirmou.

- Anúncio -

Em contrapartida, o Vila Nova tem tido uma das melhores defesas da competição, marca já registrada da equipe de Hemerson Maria. São oito gols sofridos em 11 partidas disputadas, tendo sofrido apenas mais tentos que o Fortaleza, líder da Série B. Maguinho fez questão de afirmar que o “mérito defensivo” é de todos os atletas que jogam, não só os do setor.

Outro ponto citado pelo lateral foi a torcida presente na última partida, o clássico diante do Atlético. Atuando no Serra Dourada com somente torcedores colorados, o Vila Nova somou menos de quatro mil presentes. De acordo com Maguinho, essa situação se deve ao momento que o time vem passando na Série B 2018.

“Não adianta eu vir mentir aqui e falar que tá tudo bem, pois não tá. Realmente os números estão ruins nesses últimos jogos. É um pouco da nossa má fase. É importante darmos a volta por cima o mais rápido possível e voltar ao nosso público normal, de 15, 20 mil”, comentou.

Sequência
Para o decorrer do campeonato, o Vila terá duas partidas atuando fora de seus domínios: contra o Boa Esporte e Juventude. Os comandados de Hemerson Maria tem aproveitamento próximo dos 50% jogando fora de casa, acumulando 7 pontos em 15 disputados. Maguinho comentou sobre o peso das próximas partidas.
“Acho que nós todos, atletas e quem está dentro do clube, sabemos da importância dessas partidas fora. Até pois não pontuamos em casa recentemente. São duas partidas difíceis e precisamos pontos. Precisamos melhorar, buscar uma vitória fora para nos dar tranquilidade e confiança”, disse.
Samih Zakzak
Estudante de jornalismo na Universidade Federal de Goiás (UFG). Gosta de esportes pra (censurado).
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P