5.6 C
New York
quarta-feira, abril 24, 2024
InícioMais EsportesLutasJunior Magal leva cinturão do absoluto no grappling do NP Fight 21

Junior Magal leva cinturão do absoluto no grappling do NP Fight 21

O anapolino Junior Magal venceu, por morte súbita, o goianiense Kayo Felipe, na noite de sábado (16), no NP Fight 21, realizado no Ginásio Rio Vermelho, em Goiânia. Este era um dos combates mais esperados do evento.


O clima de revanche pairava no ar, uma vez que os atletas se enfrentaram em uma disputa de cinturão na edição Golden, que terminou em um empate. Na morte súbita, quando nenhum competidor finaliza o oponente dentro do tempo regulamentar, a vitória é determinada pela primeira ação decisiva após esse período.

Mais das lutas
Goiano de Judô tem mais uma vitória da Wider

- Anúncio -

Junior Magal alcançou a vitória, garantindo não apenas o título absoluto, mas também sua redenção na revanche contra Kayo Felype. “Eu estava esperando muito essa nova chance de lutar com o Kayo, um adversário duro que respeito muito. Foi o que eu esperava estar na final com ele. E só agradeço a minha equipe, aos meus companheiros de treinos, que dedicaram a me ajudar, obrigado a todos”, disse.

RESULTADOS DE GRAPPILING NA NOITE 

SEMI FINAL GP 1º Semi Final: Kayo Felype venceu Rafael “Murdok”: chave de mão
2º Semi final: Júnior Magal venceu Matheus Fernandes: morte súbita
FINAL GP GRAPPILING ABSOLUTO – DISPUTA DE CINTURÃO ▪ Júnior Magal venceu Kayo Felype no tempo de desempate: morte súbita

DESFESA DE CINTURÃO FEMININO GRAPPILING 60 KG ▪ Júlia Barros venceu Ester Gonçalves no tempo de desempate: morte súbita

Mais lutas

No duelo interestadual de boxe, com Goiás x Pará, o goiano João Victor Falcão, atual campeão de boxe 75 kg, derrotou o desafiante paraense Sivaldo “Formigão”. Falcão dominou as ações desde o início, imprimindo um ritmo forte e conectando golpes precisos. No segundo round, a pressão do goiano se intensificou e, aos 2 minutos e 24 segundos, o árbitro interveio decretando o nocaute técnico e a vitória goiana.

Uma das lutas mais esperadas da noite foi a terceira defesa de cinturão de Laysson “Canhoto”, na categoria até 71kg. “Canhoto”, de Goiânia, entrou no ringue com o apoio da torcida local e buscou impor sua estratégia agressiva desde o início, contra o desafiante, Lucas “Barão”, de Goianésia, que buscava impor sua presença física e agilidade.

No segundo round, foi “Canhoto” quem encontrou uma abertura, e com um golpe preciso, conseguiu um nocaute aos 46 segundos do segundo round, garantindo assim sua terceira defesa bem-sucedida do cinturão.

Noutra disputa interestadual, Rafael “Koncreto”, de Goiânia, e Junior Santos de Conceição do Araguaia, no Pará, duelaram. O goiano, depois de uma pausa no MMA, retomou o cinturão. No 2º round, aos 2m9s, “Koncreto” conseguiu uma vitória decisiva por nocaute, retomando assim o trono do MMA na divisão dos meio-médios.

A noite também teve o título de João Pedro Jotapê no MMA 66 kg.

Acompanhe o EG também nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Youtube.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P