5.6 C
New York
quarta-feira, abril 24, 2024
InícioFutebolGoiásApós demissão, Zé Ricardo critica diretoria do Goiás: "pressa e falta de...

Após demissão, Zé Ricardo critica diretoria do Goiás: “pressa e falta de convicção”

Depois de ser demitido do Goiás ao lado do executivo de futebol Agnello Gonçalves, o treinador Zé Ricardo criticou a diretoria esmeraldina pela decisão. O técnico afirmou que o projeto do clube “não passou de palavras” e afirmou que houve pressa e falta de convicção quanto ao seu trabalho.

Mais do Verdão
De olho na Série B, Goiás tem interesse em meio-campista do Fortaleza
Goiás depende de título ou rivais para chegar à Copa do Brasil em 2025

Com uma campanha de nove vitórias, seis empates e uma derrota, Zé Ricardo foi demitido do Goiás um dia depois da eliminação para o Vila Nova na Copa Verde. No Goianão, a equipe alviverde caiu para o Goiânia, mas na Copa do Brasil o time ainda segue vivo. Para o ex-técnico esmeraldino, a sua saída foi algo a ser lamentado.

- Anúncio -

“Lamento, mais uma vez, por um projeto no Brasil não passar de palavras. Acabamos a fase de classificação em primeiro lugar, invictos, com a melhor defesa e o segundo melhor ataque. Entendi perfeitamente que o trabalho estava sendo desenvolvido e com a certeza de que iria evoluir com a chegada de novos atletas para a sequência. Mas a pressa e a falta de convicção que ainda fazem parte no futebol brasileiro levaram o clube a tomar essa decisão, mesmo com 70% de aproveitamento”, declarou ao Globoesporte.

O Goiás ainda não anunciou uma reposição para Zé Ricardo no comando técnico do clube. A equipe só volta a campo no dia 19 de abril, quando estreia contra o Ceará no Brasileirão Série B. 

Acompanhe o EG também nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Youtube.
Luiz Felipe Mendes
Jornalista formado pela PUC Goiás. Amante de todos os esportes, especialmente futebol e futebol americano.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P