Vila Nova sai atrás no marcador, mas busca o empate diante do Brasiliense

Foto: Núbia Alves/Vila Nova
Anúncios

Nesta quinta (16), o Vila Nova entrou em campo se preparando para a disputa do Goianão 2020. Em jogo-treino, o Tigre enfrentou o Brasiliense, em seu CT, e o duelo terminou com um empate em 1 a 1.

Os gols da partida foram marcados aos 12 minutos da primeira etapa, pelo meia Marcos Aurélio que colocou a equipe do Brasiliense em vantagem no marcador, aproveitando uma falha da defesa colorada. Já na etapa final, aos 40 minutos, o atacante Dimba que havia entrado há poucos instantes em campo, deu números finais a partida com um gol de cabeça.

Mais do Goianão
-> Jogadores reclamam de atrasos e falta de condições no Goiânia
-> Anápolis registra contrato e deve ter time completo na estreia

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O jogo foi o segundo teste da equipe profissional nesta fase de pré-temporada, já que na primeira atividade o Vila Nova havia vencido a equipe do Capital-DF pelo placar de 3 a 0. Após o amistoso desta quinta, o técnico Ariel Mamede fez um avaliação da atividade.

“Empate regular. Foi um jogo aberto, no qual a nossa equipe apresentou alguns erros que não tinha tido ainda. É um jogo amistoso, que serve para isso, pontuar situações como nível de concentração e competitividade. Seguimos nos ajustando para a disputa do Campeonato Goiano”, avaliou o treinador colorado.

No próximo sábado, o Tigre vai disputar outro amistoso, contra o Real-DF. O último embate da pré-temporada será também às 16h, no CT Marconi Perillo. A atividade terá portões fechados para torcida e imprensa.

A estreia do Vila Nova no Goianão será no dia 22 de janeiro, fora de casa, contra o Anápolis, no estádio Jonas Duarte.

Ficha técnica:
Vila Nova 1 x 1 Brasiliense-DF
Jogo-treino
Data: 16/01/2020
CT Toca do Tigre, em Goiânia
Gols: Marcos Aurélio aos 12 min/1T (Brasiliense); Dimba aos 40 min/2T (Vila Nova)
Vila Nova: Fabrício; Danrlei (Francesco), Brunão, Adalberto e Lucas Silva; Mário Henrique (Marquinhos), Pablo (Adriel), Pedro Bambu e Celsinho (Kauê); Gilsinho (Dimba) e Nando.
Técnico: Ariel Mamede
Brasiliense/DF: Sucuri; Carlinhos, R. Donato, Badhuga e Charles (Neto Baiano); Romário, F. Pires (Aldo) e Marcos Aurélio (Sandy); Romarinho (Lorran), Zé Love e Peninha (Esquerdinha).
Técnico: Mauro Fernandes

Comentários

comentários

PUBLICIDADE