5.6 C
New York
sexta-feira, julho 19, 2024
InícioFutebolGoiásApresentado, Pivetti prega solidez defensiva, posse de bola e futebol equilibrado no...

Apresentado, Pivetti prega solidez defensiva, posse de bola e futebol equilibrado no Goiás

O Goiás tem um novo treinador, é Bruno Pivetti, de 38 anos, que estava no Villa Nova/MG. O profissional foi apresentado de forma oficial nesta quinta-feira (24), juntamente com o coordenador técnico e de futebol, Paulo Autuori. Na sua apresentação Pivetti destacou que quer implantar um sistema de jogo equilibrado no Goiás, com um time sólido na defesa e ousado ofensivamente. 

 

O técnico ainda destacou que irá valorizar e priorizar jogadas de bolas paradas no clube. De acordo com Pivetti, é uma saída de jogo que pouco é difundida e estudada atualmente no Brasil, e isso é um ponto importante para ser trabalho. 

- Anúncio -

Mais do Verdão:
Time alviverde tem duelo pela ponta com o Anápolis
No vôlei, esmeraldinos voltam a vencer em noite de despedida
Veja como foi na íntegra a apresentação de Autuori e Pivetti no Goiás 
Time lança novos planos de sócio para crianças, idosos e PNE

– Eu sou avesso a qualquer tipo de rótulos, de treinador reativo e propositivo, acredito que equipes competitivas devem estar equilibradas em todos os momentos que o jogo se propõe. Na minha visão, quando não temos a posse de bola, numa organização defensiva, a minha equipe tem que ter conceitos táticos, de como marcam em bloco médio e bloco baixo, justamente para ter uma solidez defensiva, com a participação do goleiro até o centroavante. É nesse sistema que vai nos consolidar defensivamente e receber menos possibilidade de gols do adversário. 

Com algumas licenças de treinador no cenário sul-americano, como a licença PRO da CBF, da AFA (Argentina), e da Conmbol, Bruno se diz ser um estrategista dentro de campo. A intenção do técnico é ter um time que saiba fazer uma ligação de defesa e ataque de maneira rápida e com consciência.

– Gosto muito de estratégia, quando defrontamos algum adversário e temos conceitos muito bem sedimentados de marcação alta, média e baixa, nós podemos aumentar o nosso leque em termos estratégicos para neutralizar as fortalezas adversárias para atacar as suas vulnerabilidades. Quando tivemos a posse de bola, temos que ter conceito de ter uma saída de bola mais curta, mais sustentada e acunhada, mas não negligenciarmos  a importância de uma ligação mais rápida, para poder surpreender. Quando temos uma equipe mais equilibrada e mais treinada, fica difícil dos nossos adversários de nos surpreender. Hoje em dia pouca gente faz a questão das bolas paradas, ofensivas para poder surpreender e defensivas, para que não possamos correr riscos. Eu desejo que minhas equipes sejam as mais equilibradas possíveis dentro do jogo.  

Pivetti e Autuori estarão em Anápolis nesta quinta-feira (24), na partida contra o Anápolis, pela nona rodada do campeonato goiano. O novo técnico irá comandar o Goiás contra o Souza, na Paraíba, pela estreia da Copa do Brasil 2022. 

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Rádio Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Profissional na área esportiva desde 2012.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P