5.6 C
New York
sexta-feira, dezembro 3, 2021
Início Futebol Futebol Goiano Dirigente do CRAC acredita em grupo equilibrado no estadual, mas salienta: "futebol...

Dirigente do CRAC acredita em grupo equilibrado no estadual, mas salienta: “futebol é jogado”

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo do CRAC, Luís Isaac Hens, os grupos do Goianão 2022 ficaram equilibrados. Apesar disso, em entrevista exclusiva ao Esporte Goiano, o dirigente acredita que os times do interior precisam fazer a parte deles, e o potencial de cada um só será revelado com a realização de algumas rodadas.

Mais do futebol goiano
Presidente da Jataiense estabelece meta: “ficar entre os sete”
Diretor do Grêmio Anápolis destaca manutenção do perfil

Os critérios utilizados pela Federação Goiana de Futebol (FGF) para as definições dos grupos levaram em conta a questão técnica, logística e financeira. Para o representante do CRAC na reunião do Conselho Técnico, as chaves ficaram equilibradas e de agora para frente o clube precisa pensar em como lidará com o estadual.

- Anúncio -

“Nós caímos com Atlético e Vila Nova. Na outra ponta, pegamos Goiatuba, Aparecidense, Iporá. Acho que ficou equilibrado. Não como distância, mas digo na qualidade dos clubes. Futebol você tem que jogar, é jogado. Depois do segundo, terceiro jogo, é que os clubes do interior vão saber o potencial que realmente têm. Goiás, Vila Nova e Atlético já vêm com uma base formada, Aparecidense também, os outros times são uma incógnita. Acredito que dá para vir e manter pelo menos uma boa disputa”, comentou Luís Isaac Hens.

Estádio e orçamento

Além disso, o dirigente falou também sobre a situação do Estádio Genervino da Fonseca, em Catalão. “Fizemos a drenagem e trocamos o gramado por grama esmeralda. Gastamos R$ 300 mil e acredito que vai melhorar bem a qualidade”, afirmou. De acordo com ele, os laudos exigidos pela FGF estão em ordem.

Com cerca de R$ 1,5 milhão para a disputa do Campeonato Goiano, mais alguns patrocínios particulares que podem elevar a receita para R$ 2 milhões, o objetivo do CRAC é terminar do meio da tabela para cima. O presidente do Conselho Deliberativo do time até brincou que a meta é ficar “em uma fase de Libertadores”.

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Luiz Felipe Mendes
Jornalista formado pela PUC Goiás. Amante de todos os esportes, especialmente futebol e futebol americano.
Anúncio

Últimas

Goianão 2022: presidente da Aparecidense destaca força do time e detalha planejamento

Campeã nacional da Série D de 2021, a Aparecidense está pensando no Goianão de 2022. Em entrevista ao Esporte Goiano, o presidente...

Vila Nova lança oficialmente o Manto da Virada; pré-venda está aberta

Na noite da última quinta-feira (2), o Vila Nova lançou oficialmente o Manto da Virada, uma camisa em alusão à passagem do...

Seis atletas campeões estaduais retornam ao Grêmio Anápolis para 2022

O Grêmio Anápolis, campeão do Goianão de 2021, já confirmou seis jogadores para a próxima temporada. Todos eles fizeram parte do elenco...

Lyan de Paulo inicia fase de grupos da última etapa do CBVP Open na temporada

O goiano Lyan de Paulo inicia a fase de grupos da 5ª e última etapa do Campeonato Brasileiro de Vôlei de Praia...

Higo Magalhães, sobre final da Copa Verde: “não podemos escolher adversário”

O técnico Higo Magalhães concedeu entrevista coletiva após o empate em 1x1 com o Nova Mutum, que confirmou a ida do Vila...
Anúncio