No apagar das luzes, Atlético sofre gol de empate do Criciúma

Foto: Reprodução PFC
Anúncios

Na tarde deste sábado, 4, o Atlético encarou o Criciúma no estádio Heriberto Hülse, e empatou pelo placar de 1 a 1, partida válida pela 20ª rodada do Brasileiro da Série B. O gol do Dragão foi marcado por João Paulo, já no segundo tempo. No apagar das luzes, Vitor Feijão deixou tudo igual para o Tigre.

Com o resultado, o rubro-negro goiano fica em 4º lugar na classificação geral, 31 pontos ganhos. O Tricolor é 13º, 24 pontos conquistados. Na próxima rodada, sábado, 18, o Atlético recebe o Coritiba, às 16h30, no Olímpico. Quatro dias antes, na terça, 14, o Criciúma duela no Moisés Lucarelli com a Ponte Preta, às 21h30.

Muitas faltas, poucas chances

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A partida começou com duas equipes tímidas, muitas faltas assinaladas e poucas chances de gol. A primeira oportunidade veio aos 16 minutos, e foi clara. Júnior Brandão recebeu na esquerda, e cara a cara com Belliato chutou e o goleiro defendeu. O rubro-negro cresceu no jogo e recuou os donos da casa. Aos 25, após bola cruzada no segundo pau, Júnior Brandão desviou, ela bateu na mão de Marlon e o juiz mandou seguir.

Confira como foi em tempo real!

O Criciúma então começou a arriscar chutes de fora da área e, aos 31, assustou o Dragão. Elvis mandou de longe e a bola passou perto do travessão de Jefferson. Na sequência, num lance de desatenção, a bola viajou na área e a defesa do Criciúma desviou de cabeça para a própria meta levando perigo. Por pouco não foi gol contra.

Mesmo com o momento conturbado no duelo, o Tricolor foi para cima e Jefferson teve que trabalhar. Aos 38 minutos, Marlon Freitas arriscou na entrada da área e, de manchete, o arqueiro atleticano espalmou. Com o apoio da torcida, o Tigre seguiu pressionando e, aos 42, quase comemorou.

Dentro da área, Elvis chutou forte, mas antes dela chegar ao gol Oliveira interceptou. Quase também ficou a finalização de Vitor Feijão, aos 45, que recebeu na área e chutou por cima do gol de Jefferson, perdendo uma grande oportunidade. 0 a 0 a primeira etapa.

Atlético sai na frente, Criciúma empata no apagar das luzes

O Dragão voltou com mais ímpeto para o segundo tempo. Logo aos 6 minutos, Renato Kayzer arriscou de fora da área e chutou com perigo sobre o gol de Belliato. Os donos da casa voltaram a responder, e dessa vez levou azar. Logo aos 7, Marlon cortou para dentro e mandou colocado no canto esquerdo de Jefferson. Bola ainda tocou no travessão.

O rubro-negro goiano sentiu o crescimento do Tigre na partida e se defendeu mais a partir daí. Mesmo assim, aos 15 minutos, criou uma boa oportunidade. Brandão recebeu na área, fez o giro e mandou à esquerda de Belliato. Contando com a ajuda de seu torcedor, o Criciúma adiantou a marcação e começou a pressionar o Atlético em seu campo de defesa. Aos 22, um lance de reclamação pôde ser visto.

Zé Carlos foi puxado dentro da área, reclamou de pênalti, mas o árbitro nada sinalizou. Só que em seguida veio a tranquilidade para o Dragão. Aos 24 minutos, Kayzer chutou cruzado, João Paulo aproveitou rebote na área e mandou no canto esquerdo de Belliato. 1 a 0 Atlético. O Tricolor então, que não tinha nada mais a perder, se desesperou ao ataque. Nisso, quase marcou um golaço com Alex Maranhão.

O jogador, aos 33 minutos, arriscou lindo chute e mandou na trave de Jefferson. O momento crucial da partida veio em seguida. Depois dos 40 minutos, numa jogada, Jonathan levou a pior em dividida com seu companheiro, Gilvan, e ficou caído. Começou as discussões e empurrões.

Sobrou expulsões para Júnior Brandão e Gilvan, ambos do Atlético, e Zé Carlos e Marlon, do Criciúma. E no apagar das luzes, já aos 50 minutos, pela insistência, saiu o tento de empate do Tigre. A bola sobrou na área para Vitor Feijão, que tentou duas vezes e conseguiu empurrar para as redes. 1 a 1. E ficou assim.

Ficha Técnica
Criciúma 1×1 Atlético – 20ª rodada da Série B
Data: 11 de agosto de 2018
Horário: 16h30
Local: Estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda/RJ
Assistentes: Wendel de Paiva Gouvea/RJ e Diogo Carvalho Silva/RJ
Cartões amarelos: Andrew (CRI); Jonathan, Oliveira, Bruno Santos e André Luis (ACG)
Cartões vermelhos: Zé Carlos e Marlon (CRI); Gilvan e Júnior Brandão (ACG)
Gols: João Paulo aos 24′ 2T (ACG); Vitor Feijão aos 50′ 2T (CRI)
Criciúma: Belliato; Carlos Eduardo (Andrew), Nino, Liel e Marlon; Jean Mangabeira, Marlon Freitas, Eduardo e Elvis (Alex Maranhão); Vitor Feijão e Joanderson (Zé Carlos).
Técnico: Mazola Júnior
Atlético: Jefferson; Jonathan, Oliveira, Gilvan e Bruno Santos; Bambu, Rômulo e João Paulo (Fernandes); Renato Kayzer (William Alves), Júlio César (André Luis) e Júnior Brandão.
Técnico: Cláudio Tencati

Comentários

comentários

PUBLICIDADE