5.6 C
New York
quarta-feira, junho 12, 2024
InícioFutebolFutebol GoianoProjeto de revitalização do Serra Dourada prevê aumento de capacidade e obras...

Projeto de revitalização do Serra Dourada prevê aumento de capacidade e obras em 2025

Nesta segunda-feira (6), foi realizada uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), a fim de discutir as concessões e modernizações do Serra Dourada. O projeto prevê aumento de capacidade no local e início das obras em 2025, para transformar o estádio em uma arena multiuso.

Mais do futebol goiano
Chico Bala valoriza vitória do Crac em casa e enaltece trabalho de Paulo Massaro
“Sensação de derrota”, diz meia do Centro Oeste após empate com Santa Helena

Foto: André Costa

A agenda da Alego teve como objetivos dar publicidade ao projeto de reestruturação do complexo esportivo, garantir transparência às articulações entre o poder público e a iniciativa privada e permitir a participação popular por meio de sugestões e críticas apresentadas ao Grupo de Trabalho (GT) que idealizou as mudanças no Serra Dourada.

- Anúncio -

“Estamos diante de um modelo que prevê intervenções físicas no Serra Dourada a ponto de permiti-lo receber grandes eventos. É algo extremamente inovador e que não vai afetar as características originais do estádio, uma grande joia arquitetônica da nossa capital”, afirmou o vice-governador Daniel Vilela.

A ideia é de que o futuro Distrito de Esporte, Entretenimento e Lazer – nome que será dado ao espaço após a conclusão das obras – sediará jogos, atividades esportivas, de lazer, feiras de negócios, um centro gastronômico e também ofertará inúmeros serviços à população.

Mais detalhes do projeto

O projeto também prevê um aumento de capacidade do estádio para 43 mil pessoas, com o fim do setor da geral e um rebaixamento do gramado. Como se trata de uma concessão, não há envolvimento de dinheiro público. O investimento de R$ 272 milhões será exclusivamente da iniciativa privada.

A previsão é de que no segundo semestre deste ano seja lançado o edital e, posteriormente, feita a licitação para escolha da empresa que terá a concessão do complexo esportivo por 35 anos e que, por tabela, estará à frente das obras. O contrato deve ser assinado em 2025, ano em que o Serra Dourada completa meio século de vida.

Mesmo com a conclusão da audiência, os goianos têm até o dia 13 de maio para contribuir com a proposta de concessão e modernização do equipamento esportivo ao acessar o site www.goias.gov.br/esporte

Acompanhe o EG também nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Youtube.
Luiz Felipe Mendes
Jornalista formado pela PUC Goiás. Amante de todos os esportes, especialmente futebol e futebol americano.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P