Montecristo supera instabilidade e bate a Upis de virada na Superliga B

242
Anúncio
Foto: Gerliézer Paulo / Esporte Goiano

Foi difícil. Foi sofrido. Foi de virada. Assim foi a vitória do Alfa/MonteCristo/Teuto sobre a Upis-DF, na estreia das duas equipes na Superliga B de vôlei, na noite deste sábado (7), na Arena Montecristo, em Goiânia. O time goiano venceu por 3 sets a 2, com parciais de 16/25, 25/23, 15/25, 25/22 e 20/18.

Na segunda rodada, que acontece no próximo sábado (14), o MonteCristo estará de folga na tabela. A Upis recebe o Botafogo, no Ginásio da AABB, em Brasília. Os goianos voltam à quadra no dia 21, diante do Uberlândia/Gabarito, em Goiânia.

O jogo

O Montecristo começou mal o primeiro sete. Os candangos abriram 7 a 2 no placar, obrigando o técnico Paulo Martins e pedir tempo. Mas o time não conseguiu reagir dentro do set e foi derrotado por impetuosos 25 a 16.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No segundo set, o Montecristo foi quem começou arrasador e encaminhou a vitória, mas a instabilidade que afetou o time no início do primeiro set voltou a aparecer. Depois de estar vencendo por 17 a 10, os goianos permitiram a reação dos brasilienses que buscaram o empate em 20 pontos. Contando com os ataques certeiros de Leonardo e Cristiano, a equipe de Goiás fechou o set por 25 a 23.

Clique e saiba mais do vôlei goiano!

O terceiro set foi uma cópia do primeiro. A Upis abriu grande vantagem e depois apenas administrou a vitória tranquila por 25 a 15. Para o quarto set, o técnico Paulo Martins colocou o meio de rede Negão, que entrou bem no jogo e fortaleceu o fundamento bloqueio do time goiano, que era pouco efetivo. A disputa foi ponto a ponto, com o Montecristo conseguindo deslanchar na reta final, fechando a parcial por 25 a 22.

Com moral de quem evitou a derrota no set anterior, o Montecristo se impôs diante da Upis. A torcida se transformou no sétimo jogador. Os goianos viraram de lado vencendo por 8 a 3. Na segunda parte, o Montecristo deixou o time brasiliense buscar o resultado, inclusive chegando a ter a bola do jogo, quando venciam por 14 a 13. Com a vitória iminente para os dois lados, a sorte sorriu para os goianienses. Após um pequeno rali, o levantador Guilherme Santos colocou a bola na ponta para Leonardo. O maior pontuador do jogo colocou no chão e garantiu o triunfo na estreia para delírio do bom público que compareceu ao ginásio da Cidade Jardim.

anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here