5.6 C
New York
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
InícioQuadraRaquetesGoianas Thais Fraga Severo e Lethicia Lacerda levam quatro medalhas no Aberto...

Goianas Thais Fraga Severo e Lethicia Lacerda levam quatro medalhas no Aberto Paralímpico em SP

As goianas Thais Fraga Severo e Lethicia Lacerda brilharam no Aberto Paralímpico de Tênis de Mesa ITTF Fa40, disputado no último fim de semana, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo.


Somadas, as atletas de Goiás subiram ao pódio quatro vezes. Três medalhas vieram só com Severo, que trouxe dois ouros e uma prata. Lacerda, por sua vez, garantiu um bronze no individual de sua classe.

Mais do tênis de mesa
Goianos conquistaram oito pódios no Brasileiro

- Anúncio -

Os ouros vieram nas duplas para Thais Severo. O primeiro veio na feminina WD5-10, ao lado de Joyce de Oliveira. As brasileiras venceram as compatriotas Carla de Azevedo e Juliana Ferreira por 3 sets a 0, passaram pelas argentinas Nayla Kuell e Maria Garrone pelo mesmo placar e, ainda sem perder sets, bateram a dupla formada pela britânica Megan Shackleton e pela israelense Caroline Tabib para subir ao topo do pódio.

A goiana também foi campeã nas duplas mistas XD10, com Carlos Eduardo Freire. Na estreia, eles bateram Lucas Arabian/Marliane Amaral, também do Brasil, por 3 a 0. Depois, as vítimas foram os franceses Alexandre Delarque e Flora Vautier, num jogo que terminou com placar de 3 a 1.

No individual da classe 3, Thais Severo foi prata. A goiana começou com revés para Joyce de Oliveira pelo placar de 3 a 1 (11/7, 6/11, 11/7 e 13/11). Depois, se recuperou e venceu Fiorella Padilla, da Costa Rica, por 3 a 0 (11/3, 11/3 e 11/2). Por fim, derrotou a brasileira Marliane Santos por 3 a 2 (11/6, 7/11, 13/15, 11/5 e 11/6) no jogo que valeu o segundo lugar.

Lethicia Lacerda, por sua vez, foi ao pódio no individual da classe 8 feminina. A primeira partida teve revés para a chilena Florencia Perez, que também levou medalha, por 3 a 0 (11/6, 11/8 e 11/5). Depois, a goiana bateu a costarriquenha Aneth Priscila Araya Alvarez por 3 a 0 (11/6, 11/5 e 11/5).

Os resultados garantiram vaga nas quartas contra a britânica Grace Williams, e Lacerda triunfou por 3 a 0 (11/4, 11/6 e 11/5), mas caiu nas semifinais para a japonesa Yuri Tomono, que viria a ser campeã, por 3 a 0 (11/8, 11/9 e 11/6).

Olho em Paris

Ao EG, Thais Severo ressaltou que o bom desempenho em São Paulo era esperado. A atleta goiana tem trabalhado duro para confirmar seu lugar na Paralimpíada de Paris. “Estou treinando 11 períodos por semana e buscando um bom desempenho e uma vaga pra Paris”, ressaltou.

Em março, a atleta viajará para a Europa no ITTF Fa20, na Itália e na Espanha, para enfim carimbar o passaporte para a França. “É uma competição difícil. Na minha categoria vão ter mais atletas do que tinha aqui no Brasil. Por ser na Europa, a maioria das atletas que irão participar estão classificadas (para as Paralimpíadas) e as que ainda não classificaram estarão lá buscando a pontuação necessária, como eu”, destacou.

A goiana ainda espera a atualização do ranking da ITTF para saber de quantos pontos precisará no torneio ítalo-espanhol. Ela busca a vaga na categoria de duplas femininas.

Lacerda, por sua vez, fez uma avaliação muito positiva de sua participação. A vitória contra a britânica Grace Williams, sobretudo, deve fazer diferença para a goiana em seu posicionamento no ranking mundial.

“Já esperava uma competição mais complicada. Vieram muitas meninas com boa classificação mundial na minha classe. Mas estava esperando sim subir no pódio e consegui. Fiz jogos muito bons. Consegui perceber minha evolução nas mesas. Foi uma competição muito boa para mim, tanto psicológica quanto fisicamente. Consegui dar meu melhor em todos os jogos e ganhei da número nove do mundo. Vai, com certeza, fazer diferença no meu ranking mundial. O resultado foi muito bom”, disse ao EG.

Foto: CPB/Cortesia Thais Severo
Acompanhe o EG também nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Youtube.
Rafael Tomazeti
Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás. Fã de esportes e apaixonado pelo estado de Goiás. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, TV UFG, Rádio 730/Portal 730, Jornal Diário do Estado, Diário de Goiás e Rádio BandNews.
Anúncio

Últimas

Anúncio
error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais!
P