Nicolas destaca rápida identificação com Atlético: “Me sinto em casa”

Foto: Paulo Marcos/Atlético CG
Anúncios

Nicolas foi um dos reforços que chegou para o Atlético com o Goianão em andamento. O lateral-esquerdo veio junto com Reginaldo, ambos do xará do Paraná. Nicolas, porém, se deu melhor e, desde que entrou, não deixou mais a titularidade. O jogador hoje é um dos nomes indispensáveis no XI inicial de Wagner Lopes.

Segundo o lateral, a rápida adaptação no Urias Magalhães foi crucial para isso. O atleta garante que não se arrepende de ter deixado o Athletico Paranaense e ressalta a recepção calorosa no Dragão.

– Fui muito bem recebido aqui, por todo mundo. Me sinto em casa. Na situação que eu estava lá (Athletico-PR), foi uma oportunidade que surgiu na minha vida. Foi muito rápido. Em questão de horas eu decidi vir para cá. Quando essa porta se abriu para mim, aceitei e vim de coração aberto. A recepção que tive aqui me deixou muito contente e motivado. No decorrer dos jogos, peguei confiança e me identifiquei mais com a equipe. Hoje estou muito feliz aqui e quero contribuir com o clube todo – afirmou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Atacante deixa o Antônio Accioly após apenas quatro partidas

O time rubro-negro volta aos treinos nesta semana, após cinco dias de folga e terá quase um mês para se preparar para a metade final da temporada. Restam ainda 30 jogos para definir o futuro do Atlético na Série B. O primeiro deles, já no retorno do recesso, é o clássico diante do Vila Nova. Nicolas quer aproveitar a longa parada para voltar voando e alcançar os objetivos do Dragão em 2019.

– Esta parada será muito importante não só para a parte física, mas na parte técnica também. Poderemos evoluir muitos aspectos. Vai ser importante para descansar também. Teremos um clássico logo no retorno. Temos que trabalhar muito forte e ter uma cabeça boa para voltarmos melhores ainda – afirmou.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE