5.6 C
New York
quinta-feira, outubro 22, 2020
Início Futebol Atlético Interino, Eduardo Souza descarta sua efetivação e mudanças no Atlético/GO

Interino, Eduardo Souza descarta sua efetivação e mudanças no Atlético/GO

O técnico interino do Atlético Goianiense, Eduardo Souza, destacou que não irá mudar a maneira como o Dragão vem jogando na Série A. Ele adiantou que vai realizar apenas uma alteração no time para o jogo contra o Santos.


O volante Édson saiu do clube, e desta forma abriu vaga para Willian Maranhão ou Matheus Frizzo, que serão os nomes para suprir a vaga em aberto. Além do mais, o comandante salientou que não se vê de maneira efetiva no comando técnico do Atlético. 

Mais do Dragão
Time encaminha acerto com volante do Ituano

– Vamos dar sequência àquilo que vinha sendo feito. O time estava fazendo bons jogos e conseguindo se manter dentro do que foi planejado. Seria insano realizar mudanças agora. Então vamos trabalhar e analisar apenas a peça que entra no lugar do Édson. Vou testar o Oliveira, o Willian Maranhão, que conhece mais a posição, e o Frizzo, que tem maior poder de saída de bola. Estudamos bem o Santos o resto da equipe não vai fugir do que vinha sendo. 

Será a terceira vez no ano que Eduardo Souza fica à frente do comando técnico do Dragão. No início da temporada, o assistente assumiu após a saída de Eduardo Barroca, em 2019, ficando no cargo até a chegada de Cristóvão Borges.

Após a demissão de Borges, Eduardo voltou novamente ao cargo, onde permaneceu até a chegada de Vagner Mancini. Com experiência na interinidade, Souza destacou que o grupo já sabe como ele trabalha e isso pode ser um ponto positivo ao Atlético.

No entanto, apesar dessas oportunidades, e sendo bem prestigiado por parte da torcida, o comandante salientou que não visa a efetivação no cargo. 

– Nosso objetivo é o entendimento da situação e dar continuidade aquilo que vinha sendo feito. O mais importante é os atletas terem a confiança em nós agora, e isso é facilitado pelo fato de que eu tive contanto com os jogadores, na pré-temporada, no Goianão e antes da chegada do Vagner Mancini. 70% a 80% desse elenco teve contato comigo e com o João Paulo Sanches, foram poucos que chegaram após o Vagner. Mas como falei não tenho esse intuito momentâneo de ser efetivado, nós vamos trazer outro profissional na sequência. 

O Atlético enfrenta o Santos na quarta-feria (14), às 20h30, na Vila Belmiro. O time é o atual 11° colocado com 18 pontos, o Peixe é o sexto colocado com 24. 

Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

Willian Rommel
Jornalista formado na UFG. Pós graduado em jornalismo esportivo pela faculdade Estácio. Trabalhou na Rádio Universitária 870 AM, na Rádio Difusora 640 AM, Bandeirantes Goiânia, Diário de Goiás e na TV UFG. Atualmente é Repórter do site Esporte Goiano.
Anúncio

Últimas

Depois de derrota no Brasileiro, Sub-20 do Goiás volta a encarar o Flamengo pela Copa do Brasil

A equipe Sub-20 do Goiás volta a se preparar para uma partida contra o Flamengo, mas desta vez, pela Copa do Brasil....

Contra Vitória-ES, Goiânia tenta primeira sequência de triunfos para se firmar no G-4

O Goiânia vai à capital do Espírito Santo na tarde desta quinta-feira (22) querendo embalar na Série D do Brasileirão. Às 15h,...

Goianésia busca revanche contra Real Noroeste e tenta retomar vice-liderança

O Goianésia entra em campo nesta quinta-feira (22) mordido pela goleada sofrida pelo Real Noroeste na rodada passada. O Azulão do Vale...

Com facilidade, Aparecidense atropela União/MT e segue líder do grupo 5

Aparecidense sobrou em campo e atropelou o União/MT jogando no Aníbal Toledo, pela oitava rodada do grupo 5 da Série D. O...

Em busca da primeira vitória, Vila Nova encara Juventude pelo Brasileiro de Aspirantes

Nesta quinta-feira (22), o Vila Nova visita o Juventude, no estádio Homero Soldatelli, às 15 horas, pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro...
Anúncio