Goiás dá vexame e é goleado pelo Flamengo no Maracanã

Foto: CR Flamengo
Anúncios

O torcedor do Goiás teve um início de tarde de domingo (14) para esquecer. O Esmeraldino teve uma atuação muito fraca no Maracanã, não ofereceu nenhuma resistência ao Flamengo e foi goleado pelo time carioca por 6 a 1 pela 10ª rodada do Brasileirão.

O time alviverde volta a jogar no próximo domingo (21), às 19h, na Ressacada, contra o Avaí. O resultado coloca a equipe de Claudinei Oliveira, em sétimo lugar, perdendo a posição para o Botafogo.

Veja como foi o confronto lance a lance

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Avalanche rubro-negra

Desde o momento em que a bola rolou, o domínio do jogo foi do Flamengo. Empolgado pela estreia do treinador Jorge Jesus em casa e com o Maracanã lotado, o time rubro-negro foi para cima e abriu o placar com apenas seis minutos. Rafael Vaz entregou na saída de bola, e Everton Ribeiro construiu a jogada para Gabriel achar Arrascaeta. O uruguaio bateu e abriu o placar.

O Goiás parecia assustado e não conseguia trocar passes, mas contou com uma falha feia de Rodrigo Caio para empatar. Aos 12 minutos, o zagueiro deixou a bola passar e o artilheiro Kayke não perdoou, marcando seu quinto gol no Brasileirão. Depois disso, Michael ainda acertou uma bola na trave de Diego Alves.

Após alguns raros minutos de certo equilíbrio, os flamenguistas voltaram a pressionar com muita força. A defesa do Goiás neutralizava, mas não resistiria à tantas investidas. E foi no fim do primeiro tempo que a avalanche causou estragos. Primeiro, aos 44, Bruno Henrique aproveitou cruzamento de Trauco e anotou o segundo. Depois, Arrascaeta apareceu duas vezes, marcando aos 46 e aos 49, com um belo gol de cobertura.

Goleada histórica

O que era temido pelos esmeraldinos se concretizou. O time voltou totalmente desmotivado, apático e entregue na etapa final. Aí o Flamengo, mesmo tirando o pé, goleou. O quinto gol demorou apenas 11 minutos. Em troca de passes envolvente, Gabriel surgiu na área e, no segundo pau, tocou de cabeça para ampliar.

Sem qualquer tipo de reação, o Verdão observava o time carioca jogar e a torcida rubro-negra fazer festa no Maracanã. Os flamenguistas não tinham problemas para entrar na defesa do Goiás, e os atacantes esmeraldinos eram meros espectadores. O único que ainda conseguia se desempenhar de maneira razoável, evitando vários gols dos donos da casa.

Já aos 36 minutos, Gabriel voltou a aparecer e fechou o dia horroroso do Alviverde no Rio de Janeiro. Mais uma vez, a defesa do Goiás assistiu a troca de passes do Flamengo e o atacante apareceu livre para marcar e dar números finais ao jogo.

Ficha Técnica
Flamengo 6 x 1 Goiás – 10ª rodada do Brasileirão
Data: 14 de julho de 2019
Horário: 11h
Local: Estádio Maracanã; Rio de Janeiro, RJ

Árbitro: Caio Max Vieira (RN)
Assistentes: Guilherme Camilo (MG) e Eduardo da Cruz (MS)
VAR: Rodrigo Ferreira (SC), auxiliado por Vinícius Furlan (SP) e Flávio Barroca (RN)

Amarelos: Geovane, Barcia (GOI); Arão (FLA)
Gols: Arrascaeta, aos 6’1T, aos 46’1T e aos 49’1T, Bruno Henrique, aos 44’1T, Gabriel, aos 11’2T e aos 36’2T (FLA); Kayke, aos 12’1T (GOI)

Flamengo: Diego Alves; Rafinha (Rodinei), Léo Duarte, Rodrigo Caio e Trauco; Arão, Diego, Everton Ribeiro e Arrascaeta (Cuéllar); Bruno Henrique (Vitinho) e Gabigol.
Técnico: Jorge Jesus.

Goiás: Tadeu; Daniel Guedes, Yago, Rafael Vaz e Jefferson; Geovane (Léo Sena), Yago Felipe (Paulo Ricardo) e Giovanni Augusto (Marlone); Michael, Kayke e Leandro Barcia.
Técnico: Claudinei Oliveira.

Comentários

comentários

PUBLICIDADE