5.6 C
New York
segunda-feira, outubro 25, 2021
Início Velocidade Ciclismo Carlos Alberto comemora chance nas Paralimpíadas de Tóquio e confessa: "não estava...

Carlos Alberto comemora chance nas Paralimpíadas de Tóquio e confessa: “não estava nos planos”

Carlos Alberto Gomes Soares. Aos 26 anos, este anapolino criado em Alexânia estará representando o estado de Goiás durante as Paralimpíadas de Tóquio, competindo nas provas de pista e estrada do ciclismo, na classe C1. O Esporte Goiano conversou com o atleta e preparou uma matéria especial a respeito de sua vida e carreira.

Mais dos goianos em Tóquio:
Em primeira Paralimpíada, Hélcio Perillo mira medalha
Em preparação, Jane Karla vence competição online
Goiano Léo Dutra foi um dos artilheiros da seleção de handebol 

Diagnosticado com paraparesia espástica, Carlos Alberto começou primeiramente a utilizar a bicicleta para fazer atividades cotidianas, como comprar pão. “Como eu tenho a locomoção um pouco comprometida pela minha deficiência, para mim a bicicleta sempre foi o meio de locomoção mais rápido”, destaca.

- Anúncio -

Carlos Alberto era recomendado pelos médicos a realizar alguma prática esportiva para que sua situação não se agravasse. Segundo ele, antigamente havia uma hipótese de piorar a deficiência e não conseguir mais caminhar. Com isso, Carlos voltou seus olhos para a musculação, mas não foi bem atendido no que precisava, que era fortalecer as pernas.

Carlos Alberto Paraciclismo
Foto: Divulgação/CPB

Assim, ele continuou andando de bicicleta sem ser como competição. Com o tempo, seus médicos notaram que Carlos passou a adquirir mais força física até mesmo para caminhar. Então, ele iniciou sua trajetória esportiva no mountain bike, praticando a atividade como hobby e ganhando cada vez mais força e resistência.

“Há uns dois, três anos, comecei em competição amadora, turismo, já competindo com as pessoas de igual para igual, algumas com limitação e outras não”, relata.

A ascensão em duas rodas

O que antes fazia parte da sua rotina do dia a dia começou a ganhar outros contornos. “Tive um convite de fazer uma prova em Goiânia, que já era próximo da minha cidade, Alexânia. Era uma prova de paraciclismo. […] Fui com bike emprestada, fiz a prova, me saí bem. Depois disso, gostei mais ainda de competir com pessoas com limitações semelhantes ou até piores do que a minha”, conta Carlos Alberto.

Carlos Alberto Lima 2019
Foto: Divulgação/CPB

Os objetivos foram ficando maiores. Em 2017, ele foi campeão brasileiro. Em 2018, foi chamado pela primeira vez para integrar a comissão da Seleção Brasileira durante o Mundial de Velódromo no Rio de Janeiro.

Em 2019, ele participou de provas de estrada pelo Brasil e disputou a Copa do Mundo nas etapas da Bélgica e da Itália, ficando em terceiro lugar. Passou pelo Mundial da Holanda na modalidade de pista e esteve também nos Jogos Pan-Americanos de Lima, ficando constantemente entre os dez primeiros e somando pontos para a Seleção.

Olho no Japão

Agora, ele foi convocado para representar o seu país nas Paralimpíadas de Tóquio. “As Olimpíadas não estavam nos planos. Eu achava bonito de ver o esporte, mas não imaginava que um dia eu poderia estar dentro, participando. […] Agora vamos lá realizar esse sonho que era inesperado”, projeta.

As Paralimpíadas de Tóquio têm início em 24 de agosto. As primeiras disputas no ciclismo acontecem já no dia seguinte.

Goianos em Tóquio #4
Perfil do atleta
Nome completo: Carlos Alberto Gomes Soares
Modalidade: Ciclismo C1 – Pista e Estrada
Idade: 26 anos
Naturalidade: Anápolis
Na modalidade desde quando? 2016/2017 (praticou mountain bike antes)
Acompanhe o EG também nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
Luiz Felipe Mendes
Jornalista formado pela PUC Goiás. Amante de todos os esportes, especialmente futebol e futebol americano.
Anúncio

Últimas

Goiás é derrotado pelo Natal na estreia da Superliga masculina

A história dos goianos na elite do vôlei nacional começou com derrota. Na estreia na temporada 2021-2022, o Goiás não foi páreo...

De virada, Vila Nova vence o Brusque e chega a marca de nove jogos de invencibilidade

O Vila Nova venceu o Brusque neste domingo (24), por 3x2, de virada, em partida válida pela 32° rodada da Série B....

Melhores momentos e entrevistas: Aparecidense 4 x 2 ABC – Semifinal da Série D 2021

Aparecidense e ABC se enfrentaram no jogo de ida da semifinal da Série D do Campeonato Brasileiro. Em casa, no Aníbal Batista...

Vindo de vitória, Atlético-GO tenta manter o embalo contra o penúltimo colocado Grêmio

Atlético Goianiense e Grêmio duelam nesta segunda-feira (25), pela 27° rodada da Série A, em partida disputada no estádio Antônio Accioly, em...

Veja como foi: Brusque 2×3 Vila Nova – 32° rodada da Série B

Brusque e Vila Nova duelam neste domingo (24), às 20h30, no estádio Augusto Bauer, pela 32° rodada da Série B. O Tigrão...
Anúncio